Futebol

09-09-2016 07:18

Sporting com prejuízo de 32 milhões de euros em 2015/16

A mais-valia de 13,5 milhões de euros da venda de Marcos Rojo ao Manchester United influenciou as contas do exercício anterior.
Futebol: Sporting Clube de Portugal
Foto: Lusa

Adeptos do Sporting durante um jogo com o SC Braga

Por SAPO Desporto c/Lusa sapodesporto@sapo.pt

O Sporting anunciou na quinta-feira um prejuízo de quase 32 milhões de euros relativo ao exercício da época de futebol 2015/16, expresso no relatório e contas enviado à Comissão do Mercado de Valores Mobiliários.

Na mensagem aos acionistas das SAD 'leonina', o presidente, Bruno de Carvalho, realça que os resultados negativos de 31,9 milhões de euros "resultam sobretudo (...) com o reconhecimento de gastos não recorrentes de 14,9 milhões de euros decorrentes da transferência do futebolista Rojo, processo que se encontra ainda em contencioso nos tribunais suíços".

A mais-valia de 13,5 milhões de euros da venda de Marcos Rojo ao Manchester United influenciou as contas do exercício anterior, em que o Sporting registou um resultado positivo de 19,3 milhões de euros.

Bruno de Carvalho salienta que, não fosse o processo que opõe o Sporting à Doyen, fundo de investimento que tinha parte dos direitos económicos do argentino, o prejuízo em 2015/16 rondaria 16,9 milhões de euros e que este "seria em grande parte mitigado" se os 'leões' tivessem assegurado presença na fase de grupos da Liga dos Campeões.

O presidente do Sporting destaca ainda que as vendas dos direitos dos futebolistas João Mário, ao Inter de Milão, e Islam Slimani, ao Leicester, já em período posterior ao encerramento do exercício, vão resultar numa mais-valia a rondar os 54 milhões de euros na época 2016/17.

Conteúdo publicado por Sportinforma