Liga

10-09-2016 16:38

Capucho garante Rio Ave mais forte para jogo com o Marítimo

O técnico dos vila-condenses elogiou a capacidade dos maritimistas para o embate deste domingo.
Nuno Capucho
Foto: JOSE COELHO / EPA

Nuno Capucho

Por SAPO Desporto c/ Lusa sapodesporto@sapo.pt

O treinador do Rio Ave, Nuno Capucho, considera que a recente paragem da I Liga de futebol "foi benéfica" para a sua equipa, garantindo que o grupo que vai defrontar o Marítimo no domingo está "mais forte".

O técnico dos vila-condenses acredita que para esta partida no Funchal, da quarta jornada, o plantel que dirige "tem processos mais bem assimilados". "Esta paragem foi boa para consolidar ideias, ainda por cima depois de pequenas alterações táticas que fizemos nos dois últimos jogos. Solidificámos o que fizemos bem e tentamos corrigir o que fizemos de menos bem", disse o treinador.

Nas três primeiras rondas do campeonato, os vila-condenses contam com uma derrota, um empate e uma vitória, numa sequência em crescendo que Nuno Capucho pretende dar continuidade. "É normal termos algumas dificuldade no início de temporada, mas o grupo tem assimilado as ideias e percebendo que em qualquer jogo não temos de ter receio dos adversários e que temo qualidade para ter bola e cria oportunidades de golos", vincou.

É com esse espírito que técnico da formação da foz do Ave pretende encarar o jogo deste domingo frente ao Marítimo, mesmo que reconhecendo que se trata de um "adversário difícil".

"O Marítimo em sua casa cria muitos problemas aos adversários e é uma equipa com uma nova tipologia, que gosta de jogar e tem elementos acima da média. Mas estamos preparados e acredito que nos últimos 15 dias evoluímos e vamos jogar para conquistar os três pontos", afirmou Capucho.

Nesta antevisão à partida frente aos insulares, o treinador do Rio Ave comentou ainda os dois últimos reforços que chegaram a Vila do Conde, o lateral-direito Lionn e o avançado Tsafir Chérif. "Lionn pelos anos que tem no clube e pelas suas capacidade individual e experiência é uma mais-valia. O Chérif, pela sua irreverência e por ser diferente dos outros alas que temos, vem acrescentar qualidade à equipa", analisou Nuno Capucho.

O Rio Ave, 10.º classificado com quatro pontos, desloca-se este domingo ao terreno do Marítimo, 14.º com três, numa partida agendada para as 16:00, que terá arbitragem de Rui Costa, da associação do Porto.

Conteúdo publicado por Sportinforma