FC Porto

12-09-2016 11:07

Óliver em bom plano no regresso ao Dragão

Jogador espanhol tem mostrado empenho e já é titular com Nuno Espírito Santo.
Óliver Torres celebra o golo com os colegas do FC Porto
Foto: JOSE COELHO/LUSA

Óliver Torres celebra o golo com os colegas do FC Porto

Por SAPO Desporto sapodesporto@sapo.pt

Óliver Torres chegou por empréstimo do Atlético de Madrid, viu e venceu a concorrência na luta pela titularidade. O médio espanhol que chegou no mercado de transferências está de volta ao Estádio do Dragão e tem mostrado que está de corpo e alma na equipa azul e branca.
A entrada do médio espanhol trouxe novos argumentos ao meio-campo da equipa dos dragões e a criatividade que Nuno Espírito Santo precisava no ‘miolo’. Deslocado para uma das alas, o médio tem assumido novas responsabilidades na forma de jogar da equipa da cidade Invicta e assumir o lugar no centro depois de ter jogado a segunda parte na estreia nesta temporada frente ao Sporting.

Na segunda passagem pelo Estádio do Dragão, Óliver assumiu-se à segunda aparição como titular. Bastou apenas uma semana de trabalho para que Nuno Espírito Santo assumisse a aposta no jogador. A crença do treinador acabou por render um golo frente ao Vitória de Guimarães. A meias com Otávio ( que rematou contra o espanhol) Óliver acabou por marcar um golo fora do comum que trouxe tranquilidade ao jogo no Dragão.

A presença do médio espanhol acaba por ser um talismã para o FC Porto. Com Óliver em campo, a faturação em termos de golos escala para um tento vitorioso a cada 28 minutos. Com base nas estatísticas da primeira passagem por Portugal, A percentagem de vitórias do FC Porto aumenta para 86 % com a presença do jogador emprestado pelo Atlético de Madrid.

Para além de Nuno Espírito Santo, Óliver convenceu também os adeptos. Apesar de ainda só ter feito dois jogos nesta temporada com a camisola dos azuis e brancos, já conquistou os adeptos que o ovacionaram em pé quando foi substituído por Rúben Neves aos 76 minutos .

Óliver Torres está emprestado ao FC Porto até dezembro do ano que vem. A equipa azul e branca tem a opção de comprar o jogador em definitivo por 20 milhões de euros ao clube espanhol.

Conteúdo publicado por Sportinforma