Benfica - FC Porto

29-03-2017 09:52

Jesualdo Ferreira: "O factor emocional será sempre o mais importante no clássico"

Na opinião do experiente técnico português, o 'clássico' da 27ª jornada não vai encerrar definitivamente as contas do título.
Jesualdo Ferreira
Foto: ARIS MESSINIS / AFP

Na opinião do experiente técnico português, o 'clássico' da 27ª jornada não vai encerrar definitivamente as contas do título.

Por SAPO Desporto c/Lusa sapodesporto@sapo.pt

Um clássico Benfica-FC Porto é sempre um jogo de emoções fortes, mas Jesualdo Ferreira, treinador do Al-Sadd, considera que a equipa que maior controlo emocional apresentar sairá vencedora desta 27.ª jornada da Liga NOS.

"O fator emocional será sempre o mais importante no clássico: quem se controlar melhor, quem souber lidar com a ansiedade, com os erros de arbitragem, com a forma como o público se vai manifestar", explica o treinador português, de 70 anos.

Em declarações à agência Lusa, o técnico do segundo classificado do campeonato do Qatar defende que o jogo entre o líder da Liga, Benfica com 64 pontos, e o 'vice', FC Porto com 63, "é importante", mas que a sete jornadas do fim não encerra em definitivo as contas da conquista do título de campeão nacional.

"A diferença é de um ponto. Acho que é um jogo importante, mas não definitivo. Ganhe quem ganhar, se a seguir perder ou empatar dois jogos deixa as coisas novamente embrulhadas. Agora, ganhar um clássico é sempre uma vitamina forte para o futuro", adianta o antigo técnico de águias e dragões, tendo ao serviço dos segundos conquistado três campeonatos.

A escassa vantagem do Benfica - um ponto - é igualmente desvalorizada pelo experiente treinador, que lembra inclusivamente os "bons resultados" do FC Porto na Luz nos últimos anos: "Aquilo que as equipas vão fazer é abordar o jogo de forma positiva e em futebol a única forma positiva que eu conheço é jogar para ganhar. E qualquer uma delas vai preparar-se para isso."

Os empates que marcaram os derradeiros compromissos de Benfica e FC Porto, frente a Paços de Ferreira e Vitória de Setúbal, respetivamente, deixaram algumas marcas emocionais nos dois conjuntos. Porém, Jesualdo Ferreira defende que nem aqui uma equipa está em condições de se superiorizar em relação à outra em termos anímicos.

"Ter passado por essa situação e depois ter parado duas semanas foi carregando ainda mais o controlo emocional que é preciso ter. Estão em condições de igualdade, porque tanto Benfica como FC Porto tiveram dois jogos que não ganharam e nenhum vai tirar vantagem desses resultados que aconteceram. Não vamos agarrar nesse fator e pô-lo a favor de um ou de outro", frisa.

Aliás, para o treinador do Al-Sadd, o clássico é um jogo com uma vida autónoma e muito própria na história do campeonato e um jogo que é visto de forma diferente por jogadores e treinadores: "É um jogo perfeitamente isolado dos outros. Este jogo é mesmo isso: 'enjoy the game'. É o melhor que se pode dizer aos jogadores antes destes jogos", sentencia.

O clássico da 27ª jornada da Liga NOS entre Benfica, líder do campeonato com 64 pontos, e FC Porto, segundo classificado com 63, está marcado para as 20H30 deste sábado, no Estádio da Luz.

Conteúdo publicado por Sportinforma