Bruno de Carvalho

29-03-2017 21:02

"Não vai ser a FPF que me vai impedir de ser presidente do Sporting"

Bruno de Carvalho foi suspenso pelo Conselho de Disciplina (CD) da Federação Portuguesa de futebol por 113 dias após uma queixa apresentada pelo Benfica em novembro de 2015 por lesão de honra e reputação.
Bruno de Carvalho
Foto: JOSÉ COELHO / LUSA

Bruno de Carvalho, presidente do Sporting

Por SAPO Desporto sapodesporto@sapo.pt

O líder dos Leões deixou bem claro que a suspensão de 113 dias por parte da Conselho de Disciplina e da Federação Portuguesa de futebol não o vai impedir de ser o presidente do Sporting.

“Eles pegaram em frases como: o senhor Vítor Pereira já ultrapassou todos os limites da falta de bom senso. É só ver as nomeações que foram feitas. Isto é opinativo, nem falo sobre a restante classe. Depois, começaram a sair notas no jornal sobre arbitragem. E eu disse, nessa altura, que era inacreditável e queriam provocar o pânico dos árbitros nos jogos do Sporting e, ao mesmo tempo, passar uma mensagem que os jogadores do Sporting nunca eram punidos. Isto é a defesa dos árbitros, não é contra. E retiram daqui que os estou a acusar, quando eu só queria que os deixassem trabalhar em paz. Há-de aparecer, seja quem for, que me retire o direito daquilo que os sócios do Sporting me deram”, disse Bruno de Carvalho, em entrevista ao Jornal Nacional da TVI.

“Não posso representar publicamente o Sporting? Mas venha lá o mais careca, está fora de questão. Podem-me tirar do relvado e área técnica, está mal, mas tirar-me o direito de representar o clube. As pessoas elegem-me, e é um órgão da Federação que decide que não posso ser presidente”, acrescentou.

Bruno de Carvalho foi suspenso pelo Conselho de Disciplina da Federação Portuguesa de futebol por 113 dias, enquanto o diretor-geral ‘leonino’, Octávio Machado, foi punido com 75.

O castigo do Bruno de Carvalho está relacionada com uma queixa apresentada pelo Benfica em novembro de 2015 e que o CD apenas agora decidiu, por unanimidade, considerando que Bruno de Carvalho cometeu três infrações de lesão de honra e reputação, enquanto Octávio Machado o fez em duas ocasiões.

Recorde-se que a acusação contra a Sporting, SAD foi considerada prescrita.

Conteúdo publicado por Sportinforma