Primeira liga

30-03-2017 15:37

Desportivo de Chaves 'indignado' por não vencer há cinco jogos quer inverter situação

Paços de Ferreira visita o Desportivo de Chaves em jogo a contar para a 27ª jornada.
Desportivo de Chaves vence Arouca, que estreou Manuel Machado
Foto: Pedro Sarmento Costa

Paços de Ferreira visita o Desportivo de Chaves em jogo a contar para a 27ª jornada.

Por SAPO Desporto c/Lusa sapodesporto@sapo.pt

O treinador do Desportivo de Chaves admitiu hoje indignação por o clube não vencer há cinco jogos, apesar de boas exibições, na antevisão à receção ao Paços de Ferreira, na sexta-feira, da I Liga de futebol.

“Estamos um bocadinho, entre aspas, indignados por já não vencermos há muito tempo, temos noção disso, pois o futebol é vencer e, na verdade, temos produzido, mas não temos conseguido vitórias”, afirmou Ricardo Soares, na conferência de imprensa sobre o encontro da 27.ª jornada.

O plantel, equipa técnica e toda a estrutura do clube de Trás-os-Montes está com uma “grande vontade” de alterar esta situação e regressar às vitórias, referiu o técnico, sublinhando que irão receber os pacenses centrados na conquista dos três pontos.

Ricardo Soares considerou que o Desportivo de Chaves está a fazer um “excelente” campeonato, não estando habituado a derrotas e, portanto, querem transformar a atual “indignação” numa coisa positiva.

“Temos produzido, temos jogado bem, mas não temos transformado este volume positivo de jogo em vitórias. O que se pretende no fundo, no futebol, é conseguir vitórias”, sustentou.

Ricardo Soares classificou o Paços de Ferreira como uma equipa de qualidade, dado não perder há cinco jogos, e que tem feito uma boa recuperação na tabela classificativa, mas salientou que o emblema ‘azul-grená’ está motivado e vai entrar em campo determinado.

“É uma equipa bem trabalhada, organizada e com bons jogadores, mas nós temos qualidade e queremos vencer”, frisou.

Também presente na conferência de imprensa, o lateral-direito Rodrigo entendeu que a equipa não está num bom momento, mas quer dar uma resposta positiva aos adeptos e a eles próprios.

“Os resultados não condizem com aquilo que temos feito, sendo difícil apontar o que tem acontecido para estes resultados, mas são coisas pelas quais todas as equipas passam”, vincou o jogador, emprestado pelo FC Porto até ao final da época.

O Desportivo de Chaves, oitavo classificado com 33 pontos, recebe o Paços de Ferreira, 14.º com 27 pontos, na sexta-feira às 19:00, com arbitragem de João Matos, da associação de Viana de Castelo, no jogo de abertura da 27.ª jornada da I Liga.

Conteúdo publicado por Sportinforma