Primeira Liga

03-04-2017 18:55

Manuel Machado explica saída do Nacional e do Arouca

À margem do IV Fórum de Treinadores de Futebol/Futsal que decorre em Gondomar, o treinador explicou o que correu mal na formação arouquense.
Manuel Machado, treinador de futebol
Foto: Lusa

Manuel Machado, treinador de futebol

Por SAPO Desporto sapodesporto@sapo.pt

Manuel Machado vai carregar o fardo de ter passado por dois clubes na mesma época e de nem ter terminado. O técnico começou no Nacional, mas saiu devido aos maus resultados. Foi contratado pelo Arouca para substituir Lito Vidigal em fevereiro, mas pouco mais de um mês depois abandonou o clube.

À margem do IV Fórum de Treinadores de Futebol/Futsal que decorre em Gondomar, o treinador explicou o que correu mal na formação arouquense.

"Encontrei um conjunto que começou a trabalhar mais cedo por força das eliminatórias da Liga Europa e uma equipa que vinha com um ciclo de calendário muito difícil. Encontrou o Benfica, o FC Porto e o Sporting neste período. Vinha a perder e continua a perder. Encontrou o SC Braga fora, o Desportivo Chaves e o Marítimo fora, equipas que estão bem acima na tabela e que são complicados de defrontar no seu terreno", justificou, em declarações reproduzidas pelo ´MaisFutebol`.

O treinador de 61 anos disse ainda que encontrou uma equipa "um pouco esgotada em relação ao que deu anteriormente", já que o Arouca iniciou a época mais cedo devido a participação na Liga Europa.

Manuel Machado desejou "as maiores felicidades" ao Nacional e Arouca, admitindo que esta foi uma época atípica na carreira. O treinador espera voltar rapidamente ao ativo.

"De certeza que na próxima época vou voltar a treinar. Não me revejo nisto. Este ano tive duas experiências que nada combinam com o meu percurso. Espero voltar rápido e ter um desempenho mais condizente com o meu passado", atirou.

Conteúdo publicado por Sportinforma