Sporting-Boavista

07-04-2017 19:20

ADN, cartilha, nota artística. Tudo o que disse Jesus na conferência

Jorge Jesus abordou vários temas do futebol português, no lançamento do jogo com o Boavista.
Jorge Jesus, treinador do Sporting
Foto: Lusa

Jorge Jesus, treinador do Sporting

Por SAPO Desporto sapodesporto@sapo.pt

Jorge Jesus abordou vários temas do futebol português, no lançamento do jogo com o Boavista. O técnico do Sporting falou das pazes com Rui Vitória, comentou as declarações do FC Porto sobre a cartilha que é distribuído aos comentadores afetos ao Benfica, abordou a entrada da comunicação política no futebol e falou também dos ´mind games`. Jesus confirmou ainda o regresso de Adrien.

Os principais temas da conferência de Jesus

Boavista: "O Boavista vai causar-nos dificuldades? Vai. Estamos preparados para isso? Estamos. É tentar com a nossa ideia de jogo arranjar soluções para podermos ganhar, que é o objetivo. Se puderes ganhar e jogar com qualidade, melhor. A célebre nota artística, que eu lancei".

Miguel Leal: "O Miguel Leal tem feito um bom trabalho desde que chegou, e penso que os adeptos do Boavista devem estar satisfeitos com ele".

Cartilhas e ADN: "Cartilhas a comentadores? São formas e cada um tem o seu ADN, o Sporting tem o seu. Nós temos tido uma forma e um ADN muito positivo para o melhoramento do futebol em Portugal".

Jogo verbal: "A política desportiva está a ter contornos que, no meu entender, não são os melhores. E nada têm que ver com ´mind games`. Já fiz um estudo sobre isso e atualmente a política desportiva é, na minha opinião, muito agressiva. Não há jogo, é só verbal. No futebol há também um jogo".

Pazes com Rui Vitória: "Ao longo destes anos tenho tido batalhas de comunicação com os meus rivais. Só que os meus rivais eram os treinadores do FC Porto, eram os que faziam o equilíbrio. Depois desses interesses desportivos há o respeito e a amizade que eu mantenho com aqueles que eu mantenho uma ´batalha política desportiva`, portanto é uma batalha que é isso mesmo. Depois do jogo, quando estás fora do contexto, respeito toda a gente".

Iúri Medeiros: "O Iúri Medeiros tem crescido ao longo dos anos e se tem sido titularíssimo no Boavista é porque tem conteúdo e capacidade para o fazer"

Benfica: "Dérbi com O Benfica? Eu quero fazer parte do vosso trabalho e vocês fazem parte do meu, mas nós devíamos estar a falar do jogo com o Boavista"

Conteúdo publicado por Sportinforma