FC Porto

10-04-2017 08:34

Brahimi deixou o seu contributo no Dragão

Extremo argelino tem sido titular indiscutível depois de um arranque de temporada abaixo das expetativas.
Brahimi marcou na goleada do FC Porto
Foto: ESTELA SILVA/LUSA

Brahimi, jogador do FC Porto

Por SAPO Desporto sapodesporto@sapo.pt

O FC Porto apresentou duas faces esta temporada. Sem Brahimi e com o argelino nas contas de Nuno Espírito Santo. O jornal O Jogo afirma que a equipa de Nuno Espírito Santo se tem apresentado mais forte desde que o extremo voltou a ser opção regular nas escolhas dos ‘dragões’.

De acordo com o jornal diário, o FC Porto antes de Brahimi se assumir como opção com Nuno Espírito Santo apresentava uma percentagem de vitórias fixada nos 55% antes do jogo com o SC Braga. Agora, o número aumentou quase 30% para se fixar nos 83% dos jogos.

Em termos de golos, os números também apresentam uma melhoria. Antes da reintegração de Brahimi, o FC Porto marcava 1,7 golos por jogo. Agora, esse número está nos 2,5 tentos por encontro.

Quanto ao registo individual de Brahimi, o argelino já leva 27 jogos disputados, 1662 minutos e seis golos marcados.

Recorde-se de que, no início da temporada, o extremo magrebino não era opção de Nuno Espírito Santo, mas, no decorrer do campeonato, voltou às escolhas dos ‘dragões’. A reintegração do extremo coincidiu com a melhor fase dos ‘azuis e brancos’ depois de terem quebrado uma série de empates ao vencer o SC Braga com um golo de Rui Pedro nos últimos minutos.

Conteúdo publicado por Sportinforma