Futebol / Nacional

18-04-2017 13:15

FPF apresentou a Portugal Football School

A FPF apresentou, esta terça-feira, um projeto de formação de dirigentes, treinadores, árbitros, jogadores, profissionais de saúde, jornalistas e família.
FPF apresentou a Portugal Football School
Foto: @FPF

FPF apresentou a Portugal Football School

Por André Delgado c/FPF sapodesporto@sapo.pt

A Federação Portuguesa de Futebol apresentou, esta terça-feira, na Cidade do Futebol, a Portugal Football School, um projeto de parceria com as universidades portuguesas e que tem o objetivo de formar jogadores, dirigentes, treinadores, árbitros, meios de comunicação social e profissionais de saúde.

A cerimónia de assinatura do memorando de entendimento entre a FPF e o Conselho de Reitores das Universidades Portuguesas contou com a presença do Ministro da Ciência, Tecnologia e Ensino Superior, Manuel Heitor, do Ministro da Educação, Tiago Brandão Rodrigues, e do Presidente do Conselho de Reitores das Universidades Portuguesas, António M. Cunha, assim como o Presidente da FPF, Fernando Gomes.

O presidente da Federação Portuguesa de Futebol relembrou que uma das medidas do programa eleitoral apresentado em maio de 2016 era "fazer nascer a Portugal Football School". Fernando Gomes explicou que a criação deste "centro de excelência" passa por concentrar "oferta formativa adequada às necessidades dos vários clubes e dos vários sócios da FPF", assim como o de estabelecer parcerias com Instituições de Ensino Superior, com o intuito de obter certificação formativa”, assim como a aposta "nas áreas de formação de treinadores, árbitros, jogadores, dirigentes desportivos, saúde e performance, sócios ordinários, instalações desportivas, futebol e sociedade".

André Seabra, diretor da Portugal Football School, explicou na sua intervenção que a oferta formativa, para além da já existente de treinadores e árbitros vai alargar-se à formação de dirigentes, jogadores, profissionais de saúde, jornalistas e famílias.

Manuel Heitor, ministro da tecnologia e Ensino Superior, congratulou a FPF pela iniciativa, aproveitando para sublinhar a necessidade do aprofundamento do conhecimento científico no futebol.

Consulte aqui todas as informações sobre o projeto

Conteúdo publicado por Sportinforma