Futebol

01-05-2017 15:57

Marcelo apela ao fim da violência entre adeptos

Presidente da República reiterou, em Torres Vedras, o apelo à não violência entre os adeptos dos clubes de futebol, nesta fase final dos campeonatos, sublinhando ser necessário dar o exemplo da estabilidade social aos mais jovens.
Marcelo Rebelo de Sousa em Torres Vedras
Foto: © 2017 LUSA - Agência de Notícias de Portugal, S.A.

Marcelo Rebelo de Sousa

Por SAPO Desporto c/ Lusa sapodesporto@sapo.pt

O Presidente da República reiterou hoje, em Torres Vedras, o apelo à não violência entre os adeptos dos clubes de futebol, nesta fase final dos campeonatos, sublinhando ser necessário dar o exemplo da estabilidade social aos mais jovens.

"Apelei, e o apelo foi ouvido, porque a última jornada foi menos violenta em termos verbais e físicos, e apelo que, embora a final seja muito disputada, as massas associativas e os dirigentes consigam não fazer aumentar aquilo que pode aparecer como violência verbal ou física", afirmou aos jornalistas Marcelo Rebelo de Sousa, sublinhando que isso é "bom para a estabilidade social".

O Presidente da República lembrou que "os clubes existem não só para disputar campeonatos, mas também para formar a juventude", por isso fez o apelo em nome dessa juventude, defendendo que o desporto deve ser praticado em "ambiente de convivência".

Marcelo Rebelo de Sousa falava à margem das comemorações do centenário do Torreense, onde se deixou fotografar com adeptos e jogadores, inaugurou um campo relvado e participou num almoço popular.

Conteúdo publicado por Sportinforma