Futebol

04-05-2017 19:36

Simão: "Benfica não pode adormecer sobre a vantagem"

Antigo jogador do Benfica considera que os encarnados têm tudo para conquistarem o tetracampeonato.
Simao Sabrosa
Foto: AP2010

Simao Sabrosa

Por André Delgado sapodesporto@sapo.pt

Simão Sabrosa, ex-jogador do Benfica, considera que os encarnados têm uma vantagem confortável para se sagrarem campeões, no entanto, alerta para que os jogadores não "adormeçam" e adverte que o mais importante é a conquista dos três pontos, "jogo a jogo".

"Três pontos é uma vantagem confortável. Mas, não podem adormecer. Agora há muito mais ansiedade. Sentires que está a chegar o fim do campeonato. Sentires que não pode haver um percalço. Neste momento as qualidades das exibições não contam, mas mais importante é conseguir os três pontos. O Benfica está a fazer o trabalho que é ganhar jogo a jogo. E espero que vença o Rio Ave", começou por afirmar Simão Sabrosa depois de ter marcado presença esta quinta-feira, no Estoril Open.

Sobre se a jornada do fim-de-semana vai ser fundamental para se definir quem vai ser o campeão, o antigo jogador concorda e sublinha que o Benfica não vai deixar fugir o título.

"Acredito que este fim-de-semana possa ficar definido quem vai ser o campeão. Vai ser um jogo completamente difícil. Não pode estar tranquilo. Mas acredito que até final não vai deixar fugir o título", acrescentou.

Questionado sobre as declarações de Jorge Andrade que afirmou que falta 'estrelinha' a Nuno Espírito Santo, Simão Sabrosa escusou-se a comentar as declarações do antigo colega preferindo elogiar o técnico do FC Porto e Rui Vitória.

"O Nuno [Espírito Santo] tem trabalhado bem, mas o Benfica tem trabalhado melhor. É um bom treinador. Quanto à estrela, o Rui Vitória começou mal no ano passado e terminou bem. O Benfica está na frente e tem feito um bom trabalho.

Em relação à possibilidade do Benfica poder carimbar o título na última jornada frente ao Boavista, Simão referiu que "seria bonito", já que o antigo craque também se sagrou campeão frente aos axadrezados.

"O importante é que o Benfica consiga manter a diferença. No Bessa onde eu fui campeão pelo Benfica seria bonito".

Conteúdo publicado por Sportinforma