Primeira Liga

05-05-2017 14:39

Pepa aprova a introdução do videoárbitro

Treinador do Tondela acredita que as novas tecnologias podem ajudar a que sejam minimizados os erros decorrentes das partidas.
Pepa
Foto: JOSE COELHO/LUSA

Pepa aprova a introdução do videoarbitro

Por SAPO Desporto c/ Lusa sapodesporto@sapo.pt

O treinador do Tondela, Pepa, considerou esta sexta-feira que a introdução do vídeoárbitro na próxima temporada da I Liga é um sinal positivo e de evolução do futebol português.

"É uma situação que sou a favor, como é óbvio, pois para avançar é porque foi muito estudado. Ainda vai dar ‘pano para mangas’, mas é positivo, é sinal que o futebol português está atento e a querer evoluir", sustentou.

O presidente da Federação Portuguesa de Futebol (FPF), Fernando Gomes, anunciou na quinta-feira que o recurso ao vídeoárbitro entrará em vigor na próxima época de futebol, na I Liga, após autorização do International Board (IFAB).

Apesar de ver com bons olhos a introdução do vídeoárbitro, Pepa diz não saber se está ou não a haver alguma precipitação ao avançar já na próxima época.

"Do outro lado também está um homem a decidir e isto dá muita discussão mesmo, mas sou a favor. Acho muito bem, temos que evoluir, crescer e acreditar na competência e seriedade das pessoas", acrescentou.

Questionado sobre a utilidade do vídeoárbitro na corrente temporada, em que o Tondela se queixou de algumas arbitragens, Pepa preferiu não olhar para o passado.

"Não sou a favor de estarmos a olhar para trás e chorar ou lamentar o que quer que seja. Está para trás e todos erramos, os árbitros, os treinadores e os jogadores, mas não nos vamos agarrar a isso", referiu.

No seu entender, o melhor é trabalhar para "minimizar erros".

"O importante é que haja condições para que o futebol seja esta paixão que todos nós temos e, quanto mais transparente e limpo for, melhor para todos", concluiu.

Conteúdo publicado por Sportinforma