Benfica

08-05-2017 12:06

Ninguém derruba 'muros' como este mexicano

Raúl Jiménez é o homem mais influente de Rui Vitória, oferecendo o triunfo em seis partidas.
Raúl Jiménez é especialista em marcar golos decisivos
Foto: MIGUEL A. LOPES/LUSA

Raúl Jiménez é um especialista em marcar golos decisivos

Por Diogo Marcelo sapodesporto@sapo.pt

Pode não jogar muito mas deixa sempre a sua marca quando é chamado a intervir. Raúl Jiménez é o jogador mais influente de Rui Vitória, desde que o treinador assumiu o comando técnico dos 'encarnados'.

O atacante mexicano já ofereceu a vitória ao Benfica em seis ocasiões nas últimas duas temporadas, reforçando o seu papel de goleador influente das 'águias'. No passado domingo, frente ao Rio Ave, voltou a ser decisivo, marcando o golo solitário que poderá ajudar o Benfica a conquistar o tetracampeonato.

A primeira prova do poder de fogo de Jiménez surgiu em 2015/2016, mais concretamente a 29 de dezembro de 2015. O Benfica recebia o Nacional da Madeira na fase de grupos da Taça da Liga e a vitória só foi conseguida aos 90 minutos, pelo atacante mexicano.

Segue-se o jogo com a Académica de Coimbra, a 9 de abril de 2016, a contar para a Primeira Liga. O Benfica até começou a perder, com Pedro Nuno a inaugurar o marcador aos 17 minutos. No entanto, um golo de Mitroglou aos 39 minutos e um golo de, lá está, Raúl Jiménez, aos 85 minutos deu a vitória aos 'encarnados'.

Depois veio a reedição do jogo deste passado domingo. Também na época passada o Benfica derrotou o Rio Ave por 1-0 e também com um golo de Jiménez. Até o minuto em que foi apontado o golo é muito próximo daquele em que Jiménez marcou esta temporada. Na época passada, o avançado marcou aos 73 minutos, esta época foi aos 75.

O jogador também é decisivo para garantir finais ao clube da Luz. A 2 de maio de 2016, Jiménez consumou a reviravolta que deu a vitória sobre o SC Braga, nas meias-finais da Taça da Liga.

Já esta época, foi frente ao Estoril que Jiménez voltou a mostrar a capacidade que tem para decidir jogos. A 17 de dezembro de 2016, o Benfica deslocou-se à Amoreira e apenas um golo do atacante, aos 61 minutos, garantiu a vitória das 'águias'.

E no passado domingo, Jiménez aproveitou a titularidade dada por Rui Vitória para mostrar que está vivo e é uma opção para o treinador, depois de dar a vitória ao Benfica, a passe de Salvio.

No total, são seis os jogos em que o atacante foi decisivo, dois jogos em casa e quatro jogos fora de casa, dados que mostram a apetência de Raúl Jiménez de marcar em jogos complicados e em decidir partidas empatadas.

Conteúdo publicado por Sportinforma