V. Setúbal

16-05-2017 09:59

Meyong homenageado na hora do adeus ao futebol

Avançado vai pendurar as chuteiras no final da presente temporada.
Meyong despede-se do futebol aos 36 anos
Foto: Rui Minderico/Lusa

Meyong

Por SAPO Desporto sapodesporto@sapo.pt

Albert Meyong realizou, esta segunda-feira, o último jogo da carreira no Estádio do Bonfim, na derrota do V. Setúbal diante do Boavista (0-1). O avançado camaronês, que se despede dos relvados este temporada, aos 36 anos, foi titular pelos sadinos, saindo aos 56 minutos debaixo de um forte coro de aplausos.

No final do encontro, o jogador admitiu aos jornalistas estar a viver a viver um misto de sentimentoss. "Tristeza ou dever cumprido? Os dois, mas mais tristeza. Jogar futebol foi sempre o que quis fazer. A minha vida até hoje foi concentrada só no futebol. É triste deixar uma coisa que gosto de fazer. Mas por outro lado fico contente porque a minha carreira foi tudo o que desejei", disse.

Além dos sadinos, Meyong destacou-se ao serviço de outros dois emblemas portugueses, SC Braga e Belenenses, aos quais deixou um especial agradecimento.

"Agradeço ao SC Braga e ao Belenenses. Passei bons momentos lá. No Sc Braga estive mais tempo, mas no Belenenses fui eleito o melhor marcador do campeonato e deixei lá muitos amigos. No Sp. Braga também tenho muitos amigos e queria agradecer-lhes. Fui muito bem recebido e tive a possibilidade de fazer bem o meu trabalho. Ao Vitória já agradeci muito e não vou parar de agradecer, porque esta equipa é a minha casa", salientou.

Conteúdo publicado por Sportinforma