Futebol

17-05-2017 11:02

Daniel Carriço: "O Benfica está um passo à frente dos rivais"

Defesa viveu um ano de pesadelo no Sevilha e admite rumar a outras paragens.
Daniel Carriço
Foto: SAPO Desporto

Daniel Carriço

Por SAPO Desporto sapodesporto@sapo.pt

Daniel Carriço, antigo capitão do Sporting e com vontade de sair do Sevilha, admite que já não sofre tanto pelo antigo clube e considera que o tetra campeonato do Benfica não é fruto do acaso.

"Benfica tetracampeão? Já são quatro anos seguidos e isso não pode ser por acaso. Estão a fazer um bom trabalho. Toda a gente sabe que fui criado no Sporting e sou sportinguista, mas temos que reconhecer o mérito do Benfica que está à frente dos rivais", sublinhou o jogador português em entrevista ao jornal A Bola.

Carriço confessa que está um pouco mais desligado do clube verde-e-branco, mas se um dia tiver a oportunidade de trabalhar com Jorge Jesus, o defesa não rejeitaria essa possibilidade.

"Talvez um dia tenha essa oportunidade. Neste desporto nunca se sabe, mas seria uma nova e boa experiência".

A viver um momento negativo no clube espanhol, Carriço não tem entrado nas contas de Jorge Sampaoli. Apesar de ter contrato até 2018, o português admite rumar a outras paragens.

"Tudo correu mal desde o início. Tinha sido expulso na final da Taça do Rei, contra o Barcelona, apanhei quatro jogos e isso prejudicou o meu início de temporada. Tive também um problema no pé. Foi um ano atípico, sem jogador e sem ganhar nada", admitiu. "Sair? O meu desejo é manter-me. O Sevilha é um clube que me marcou profundamente. Se não puder continuar, terei que estudar as propostas dos três ou quatro clubes que já mostraram interesse nos seus serviços".

Conteúdo publicado por Sportinforma