Futebol

01-06-2017 15:19

Apenas Buffon supera Ederson como o guarda-redes mais caro da história

Guarda-redes italiano transferiu-se do Parma para Juventus a troco de 53 milhões de euros.
8a181ad80c864c0376c12055d36951ef93975bbc.jpg
Foto: © 2016 LUSA - Agência de Notícias de Portugal, S.A.

Ederson Moraes

Por SAPO Desporto sapodesporto@sapo.pt

Com a transferência para o Manchester City, a troco de 40 milhões de euros, Ederson passou a ser o segundo guarda-redes mais caro da história do futebol.

O brasileiro fica apenas atrás de Gianluigi Buffon. Em 2001, o italiano transferiu-se do Parma para Juventus a troco de 53 milhões.

Manuel Neuer (Bayern Munique) completa o pódio dos guardiões mais caros - Schalke recebeu 38 milhões de euros pela mudança do alemão para o Bayern Munique.

O Benfica, de resto, é o único clube que surge duas vezes no top 10 enquanto vendedor. Jan Oblak, que rendeu 16 milhões de euros aos cofres da Luz quando se mudou para o Atlético Madrid, é o oitavo guarda-redes mais caro da história.

As dez transferências mais caras de guarda-redes (fonte: Transfermarket):

1. Gianluigi Buffon (do Parma para a Juventus), €53 milhões

2. Ederson (do Benfica para o Manchester City), €40 milhões

3. Manuel Neuer (do Schalke 04 para o Bayern Munique), €38 milhões

4. David de Gea (do Atlético Madrid para o Manchester United) €25 milhões

5. Claudio Bravo (do Barcelona para o Manchester City), €18 milhões

6. Angelo Peruzzi (da Juventus para o Inter), €19 milhões

7. Angelo Peruzzi (do Inter para a Lazio), €17,9 milhões

8. Jan Oblak (do Benfica para o Atlético Madrid), €16 milhões

9. Petr Cech, (do Chelsea para o Arsenal), €14 milhões

10. Jasper Cillessen (do Ajax para o Barcelona) e Petr Cech (do Rennes para o Chelsea), €13 milhões

Conteúdo publicado por Sportinforma