Sporting

23-06-2017 20:03

Bruno César e Gelson Dala confiantes em chegar aos títulos esta época

Bruno César falou ainda do empenhamento do grupo liderado por Jorge Jesus em “entrar na Liga dos Campeões”.
Bruno César e Bas Dost
Foto: Paulo Novais / Lusa

Bruno César e Bas Dost

Por SAPO Desporto c/ Lusa sapodesporto@sapo.pt

O futebolista brasileiro Bruno César revelou hoje a firme vontade de todo o plantel do Sporting de conquistar o título de futebol, objetivo que lhe foge desde 2002.

“Queremos títulos. Principalmente o campeonato português, objetivo assumido nas duas últimas épocas. Em 2015/16, quase conseguimos, mas o ano passado ficámos um pouco distantes. As expectativas são essas, as de ganhar títulos”, disse o atleta, em declarações ao canal de televisão do Sporting.

Bruno César falou ainda do empenhamento do grupo liderado por Jorge Jesus em “entrar na Liga dos Campeões”, considerando “muito importante” voltar à competição, sendo que ainda deve passar pelo teste do ‘play-off’.

Alguns dos reforços do Sporting para a nova época já trabalharam algum tempo em Alvalade e outros já foram companheiros de Bruno César em outros clubes.

“Há algumas caras novas, mas muita união. O grupo quer começar já a época. Todos querem que comece rápido para ganhar títulos. Este é um ano importante para nós e para os nossos adeptos, que sei vão continuar connosco, como no passado”, confia.

O atleta diz que todos vão “mostrar dentro de campo nos treinos e nos jogos que os adeptos podem confiar nos jogadores”, prometendo “muita luta e batalha dentro de campo para se atingir os objetivos”.

O jovem avançado Gelson Dala já trabalhou com Jorge Jesus no final da época passada, assumindo que “deu para aprender no pouco tempo” que esteve com o grupo.

“Estamos todos concentrados, cada um com o seu objetivo. Estou ansioso. Estou bastante confiante, apesar de ainda falta cumprir essa meta de exames”, disse.

O futebolista angolano, de apenas 20 anos, elogiou ainda a “massa associativa muito grande” do Sporting e formulou o desejo de que a equipa possa continuar a sentir “o seu carinho em todos os jogos”.

Conteúdo publicado por Sportinforma