FC Porto

27-06-2017 23:05

Francisco J. Marques: "É o maior escândalo do futebol português"

Francisco J. Marques, diretor de comunicacação do FC Porto, confessou que não esperava esta repercussão no já conhecido 'caso dos emails' .
Francisco J. Marques
Foto: Porto Canal |

Francisco J. Marques

Por SAPO Desporto sapodesporto@sapo.pt

Francisco J. Marques, diretor de comunicacação do FC Porto, confessou que não esperava esta repercussão no já conhecido 'caso dos emails' e acrescenta mesmo que se "trata do maior escândalo do futebol português" e que mais dados serão revelados.

"Não imaginava que isto atingisse estas proporções. Hoje estou capaz de dizer que isto é o maior escândalo do futebol português. Já expusemos muita coisa. O melhor ainda está para vir.", afirmou o diretor de comunicação do FC Porto no programa "Universo Porto" do Porto Canal.

Francisco J. Marques refutou ainda a ideia de que o clube azul-e-branco tivesse sido alvo de buscas.

"Não fomos intimados, nem fomos alvo de buscas. Quem tem a obrigação de esclarecer é a Procuradoria Geral da República. Está assistir-se a uma situação de contra-informação, o FC Porto a dizer que não foi alvo de buscas, entregou voluntariamente. Nessa altura combinou-se um encontro presencial, foi perguntado se o FC Porto estava disponível e entregou-se tudo. O Benfica pôs a correr que o FC Porto estava a mentir, que tinha sido intimado. Isto é uma coisa patética, a PGR tem a obrigação de esclarecer os cidadãos. Há uma outra entidade que diz o contrário. A PGR que esclareça, tem um departamento de comunicação, não custa nada, fica feito o apelo que se acabe com esta mistificação, se não até parece que se está a simpatizar com um dos lados", acrescentou

Conteúdo publicado por Sportinforma