Primeira Liga

03-07-2017 09:54

Jiménez recusa nova proposta milionária da China

Depois do Tianjin Quanjian ainda há interessados no avançado mexicano.
Benfica comemora 20 anos de Harry Potter mostrando a magia de Jiménez
Foto: SAPO Desporto

Jiménez, jogador do Benfica

Por SAPO Desporto sapodesporto@sapo.pt

Raúl Jiménez voltou a estar perto de sair para a China, mas rejeitou trocar o futebol europeu pelos milhões do futebol asiático. De acordo com o jornal O Jogo, o Benfica recebeu uma proposta de mais de 40 milhões de euros para vender o jogador para a China que estava tentado a aceitar, mas a vontade do jogar nega qualquer oportunidade de negócio, uma vez que Jiménez não quer rumar ao futebol asiático.

Esta não é a primeira vez que o mexicano é abordado para rumar à China, mas a decisão continua a ser a mesma. Na temporada passada, o Tianjin Quanjian estava disposto a cometer uma pequena loucura pelo internacional mexicano, mas esbarrou na impossibilidade. Jiménez ficou no Befica onde estava a ser titular com regularidade.

Com o final da Taça das Confederações, Jiménez vai entrar em férias antes de se apresentar no Estádio da Luz. No novo ano desportivo, o avançado vai ter mais concorrência, uma vez que Seferovic foi contratado para este ano. Atualmente, os ‘encarnados’ soma quatro avançados principais para duas posições.

Para além de Jiménez, Jonas, Mitroglou e Seferovic estão no encalce da titularidade pelo que pode estar aberta a saída de pelo menos um dos quatro embora a escolha recaiu sobretudo no mexicano ou no grego.

Jiménez foi um dos jogadores em destaque na seleção do México que terminou a Taça das Confederações em quarto lugar. O camisola 9 dos ‘encarnados’ marcou um dos golos da equipa na Rússia e é visto como um dos titulares.

No Benfica, o jogador custou 22 milhões de euros e está na história como um dos reforços mais caros do clube da Luz. Na parte final da temporada foi um dos obreiros do inédito tetra ao marcar vários golos decisivos.

Conteúdo publicado por Sportinforma