Futebol

08-07-2017 19:14

Jogo entre Rio Ave e Leixões interrompido devido a violência nas bancadas

Particular entre Rio Ave e Leixões foi interrompido aos 29 minutos de jogo devido a violência nas bancadas.
Futebol
Foto: Lusa

Particular entre Rio Ave e Leixões foi interrompido aos 29 minutos de jogo devido a violência nas bancadas.

Por SAPO Desporto c/Lusa sapodesporto@sapo.pt

O jogo particular entre Rio Ave, da I Liga portuguesa de futebol, e o Leixões, da II Liga, foi hoje interrompido prematuramente devido a cenas de forte violência entre adeptos, nas bancadas, em Vila do Conde.

Os apoiantes das duas equipas, que estavam misturados no mesmo local do recinto vila-condense, envolveram-se, ainda na primeira parte do encontro, em confrontos físicos, que se prolongaram por alguns minutos.

As agressões só esmoreceram quando os adeptos do Rio Ave, que estavam em minoria, se refugirem nas zonas superiores do estádio, em busca de proteção, pedindo a presença da polícia, que não estava no recinto.

Perante o sucedido, o árbitro do encontro decidiu, com o acordo dos elementos das duas equipas, não dar sequência ao desafio, colocando-lhe um prematuro final, aos 27 minutos.

No período em que o ensaio foi jogado, e que foi muito quezilento, o Rio Ave foi o único a marcar, por intermédio de Pelé.

Entretanto, as autoridades chegaram ao estádio do Rio Ave, tomaram conta da ocorrência, ouvindo os dirigentes dos dois clubes.

Conteúdo publicado por Sportinforma