Segunda Liga

15-04-2017 18:51

Treinador do Olhanenses diz que despromoção era um cenário expectável

Equipa algarvia vai descer de divisão depois de ter empatado com o Vizela.
Bruno Saraiva
Foto: MANUEL DE ALMEIDA / LUSA

Bruno Saraiva, treinador do Olhanense

Por SAPO Desporto c/Lusa sapodesporto@sapo.pt

O treinador do Olhanense, que hoje se viu matematicamente despromovido da II Liga portuguesa de futebol, após empatar em Vizela 1-1, afirmou que depois de 35 jornadas em último sabiam que a despromoção “era uma questão de tempo”.

Bruno Saraiva explicou que a "única satisfação" que retira da partida foi o facto de os algarvios “terem conseguido o empate depois de jogarem a última meia hora reduzido a dez homens”.

"Foram 35 jornadas no último lugar e na última meia hora jogámos reduzidos a dez jogadores, por isso a nossa opção foi segurar o empate", assumiu.

E sobre o que resta da época, Bruno Saraiva lembrou que "os jogadores foram olhados com desrespeito", quando apenas tentaram "sempre jogar com dignidade e para ganhar em todos os jogos".

"Já sabíamos que a descida era um facto, mas hoje fomos guerreiros e lutámos com dignidade e isso é a única coisa que nos move neste momento", argumentou.

E acrescentou: "muitos jogadores não querem acompanhar o Olhanense na descida de divisão e fazem bem, mas para isso têm que continuar a ser dignos até ao último jogo da época".

O Olhanense soma 22 pontos no último lugar da classificação, menos 19 que o Leixões, no 19.º lugar, quando faltam jogar seis jornadas.

Conteúdo publicado por Sportinforma