Segunda liga

19-04-2017 19:30

'Hat-trick' de Feliz garante triunfo do Famalicão sobre Cova da Piedade

Triunfo permite à formação nortenha sair da zona de despromoção direta.
Feliz em ação pelo Famalicão
Foto: HOMEM DE GOUVEIA

Feliz em ação pelo Famalicão

Por SAPO Desporto c/Lusa sapodesporto@sapo.pt

Um 'hat-trick' de Feliz deu esta quarta-feira ao Famalicão uma preciosa vitória sobre o Cova da Piedade, na 37.ª jornada da 2.ª Liga, e retirou o clube nortenho dos lugares de despromoção direta.

Com este resultado, o Famalicão passou provisoriamente para o 17.º lugar da tabela, ainda em zona aflitiva, mas nos postos que dão acesso ao 'play-off' de manutenção, estando a um ponto do primeiro clube acima da 'linha de água', exatamente o Cova da Piedade.

Num jogo totalmente dominado pelo Famalicão, que começou a criar perigo logo nos primeiros segundos quando, Carlão atirou ao poste, Feliz foi o grande herói da tarde ao apontar três golos (38, 54 e 61 minutos), enquanto o Cova da Piedade esperou pelos últimos 20 minutos para aproximar-se da baliza dos famalicenses.

Também Diogo Cunha, primeiro de cabeça (3 minutos) e depois com um remate forte (9'), tentou o golo, mas a bola teimou em ir para fora. Joel atirou ao lado (11') e Carlão cabeceou por cima (32').

O Famalicão, fortemente apoiado nas bancadas também graças ao facto de ter decidido abrir as portas para entrada gratuita dos adeptos, procurava e já merecia o golo.

Foi Feliz quem o conseguiu, aos 38 minutos, após cruzamento de Mendes vindo da esquerda. E o conjunto orientado por Dito, que não ganhava há 7 jogos, somando 3 empates e 4 derrotas, foi para o intervalo em vantagem, o que castiga a apatia total da equipa de João Barbosa.

No segundo tempo Feliz completou uma triangulação perfeita com Carlão e Diogo Cunha para fazer o 2-0, aos 54 minutos. E só precisou de mais 7 minutos para consumar o 'hat-trick', com um golo de recarga, após remate de Diogo Cunha, que roubou sem complacências a bola a Luís Silva (61').

O Cova da Piedade, que começou a aparecer finalmente no jogo graças à entrada de Irobiso, teve pouquíssimos lances dignos de registo, tendo sido o nigeriano quem mais criou perigo, ainda que com remates para fora, como o que aconteceu aos 79 minutos. Antes, só Dieguinho tinha ameaçado com outro pontapé desenquadrado, aos 73.

Jogo no Estádio Municipal de Famalicão, em Vila Nova de Famalicão

Árbitro: Carlos Xistra (Castelo Branco)

Famalicão: Gabriel, Joel, Vilaça (Ângelo, 73'), Nuno Diogo, Daniel, Fred, Mércio, Diogo Cunha (Vítor Lima, 64'), Feliz (Kisley, 81'), Mendes e Carlão
Suplentes não utilizados: Efremov, Gevaro, Chico e Correia
Treinador: Dito

Cova da Piedade: Pedro Alves, Chico Gomes (Irobiso, 60'), Miguel Ângelo, Roberto Cunha, Evaldo, Siaka Bamba (Filipe Godinho, 46'), Robson, Luís Silva, Adilson (Silas, 46'), Dieguinho e Rui Varela
Suplentes não utilizados: Guilherme, Yi, Soares e Carvalhas
Treinador: João Barbosa

Ao intervalo: 1-0
Marcador: Feliz (38', 54 e 61')
Ação disciplinar: Cartão amarelo para Nuno Diogo (10'), Siaka Bamba (36'), Joel (51') e Irobiso (68')
Assistência: 2.545 espectadores

Conteúdo publicado por Sportinforma