Segunda Liga

21-04-2017 09:06

Portimonense e Aves podem festejar promoção antecipada à I Liga

O Portimonense precisa apenas de um empate no estádio do ‘aflito’ Académico de Viseu, o Aves está dependente de uma série improvável de resultados favoráveis.
Segunda Liga: Liga Ledman Pro

Segunda Liga: Liga Ledman Pro

Por SAPO Desporto c/ Lusa sapodesporto@sapo.pt

O Portimonense e o Desportivo das Aves, primeiro e segundo classificados da II Liga, podem confirmar no domingo a promoção ao escalão principal do futebol português, na 38.ª jornada, a quatro do fim da competição.

O cenário de subida antecipada é, no entanto, bem distinto para as duas equipas: enquanto o Portimonense precisa apenas de um empate no estádio do ‘aflito’ Académico de Viseu, o Aves está dependente de uma série improvável de resultados favoráveis.

A equipa de Vila das Aves só festejará o regresso à I Liga caso vença na receção ao Famalicão, posicionado na zona do ‘play-off’ de despromoção, e os três perseguidores – Varzim (terceiro colocado), Penafiel (quarto) e Benfica B (quinto) – não façam melhor do que o empate nesta ronda.

Caso vença e o Varzim se fique pela igualdade com o Sporting da Covilhã, o Aves passará a deter 12 pontos de vantagem, com outros tantos em disputa nas últimas quatro jornadas, mas beneficiaria do facto de ter vantagem no confronto direto, graças ao triunfo por 2-0 fora de casa, apesar de ter perdido por 2-1 no seu estádio.

O Penafiel está um pouco mais longe, mas, se se impuser em Freamunde, instalado na ‘zona vermelha’ da classificação, impedirá a promoção antecipada do Aves – mesmo que vença o Famalicão -, uma vez que o confronto direto não está fechado e a vantagem até está do lado penafidelense, que venceu por 3-1 no estádio do rival.

O Benfica B tem os mesmos pontos do Penafiel, mas não poderá subir de escalão por a representação principal estar a disputar a I Liga, e só poderá influenciar as contas da promoção se for ‘chamada’ a participar em fórmulas de desempate, tendo, inclusive, vencido os dois confrontos com o Aves.

Apesar de estas quatro equipas estarem mais perto da subida, Sporting de Braga B e Vitória de Guimarães B – na mesma circunstância do Benfica B -, Gil Vicente, Santa Clara, Académica e União da Madeira ainda podem, matematicamente, terminar no segundo lugar.

Para o Portimonense, as contas são substancialmente mais simples: um empate permite-lhe festejar a subida de divisão independentemente dos resultados dos perseguidores, mas até a derrota pode ser suficiente, caso o Varzim não vença.

Para a equipa algarvia serão regresso ao convívio dos ‘grandes’ do futebol português, após seis anos de ausência – a última das 14 presenças aconteceu na época 2010/11 -, enquanto o Aves prepara a quarta participação no campeonato principal, a última das quais remonta a 2006/07.

Conteúdo publicado por Sportinforma