Segunda Liga

30-04-2017 23:35

Desportivo das Aves recebido em euforia na chegada ao aeroporto do Porto

A comitiva do Desportivo das Aves, que hoje assegurou a subida à I Liga portuguesa de futebol.
Jogadores do Aves festejam subida à I Liga
Foto: HOMEM DE GOUVEIA/LUSA

Jogadores do Aves festejam subida à I Liga

Por SAPO Desporto c/Lusa sapodesporto@sapo.pt

A comitiva do Desportivo das Aves, que hoje assegurou a subida à I Liga portuguesa de futebol, foi recebida num clima de euforia, no aeroporto Francisco Sá Carneiro, no Porto.

Mais de um milhar de adeptos deslocaram-se até ao aeroporto para esperar pela equipa, que voou desde o Funchal, onde jogou de manhã, com o União da Madeira, conseguindo um empate (2-2), suficiente para garantir a promoção, 10 anos depois da última presença no primeiro escalão.

Depois de uma espera de quase uma hora, animada com cânticos alusivos à subida de divisão e ao objetivo da garantir o título da II Liga, que a equipa ainda persegue, a explosão de alegria aconteceu assim que os jogadores atravessaram a porta das chegadas.

No êxtase dos festejos, vários adeptos saltaram as barreiras de segurança e foram ao encontro de jogadores, treinadores e dirigentes para os abraçar, criando-se momentos de alguma confusão, mas sem incidentes.

O guarda-redes Quim, o presidente da SAD do Desportivo das Aves, Luíz Andrade, e o técnico José Mota foram alguns dos elementos mais saudados pelos adeptos.

O treinador lembrou que, "apesar de pequena, a Vila das Aves tem gente fantástica, que adora o futebol, que ao longo dos anos tem cimentado a sua posição no futebol português, e que merece todo este êxito".

As palavras do treinador foram interrompidas com mais abraços dos adeptos e também pelo esforço das forças de segurança em encaminhar a comitiva para um autocarro que levará o grupo para Vila das Aves.

Junto ao estádio do clube está montada uma 'fan zone' para onde jogadores, treinadores e dirigentes se vão dirigir e onde são esperados pela população para continuarem os festejos.

Conteúdo publicado por Sportinforma