Futebol

29-03-2017 14:15

Internacional cabo-verdiano 'Bijou' termina carreira aos 30 anos de idade

Com 13 anos de carreira a nível profissional, Davidson Renato da Cruz Coronel vai pendurar as chuteiras aos 30 anos.
Internacional cabo-verdiano Bijou termina carreira aos 30 anos de idade
Foto: Inforpress

Internacional cabo-verdiano Bijou termina carreira aos 30 anos de idade.

Por SAPO Desporto c/Inforpress sapodesporto@sapo.pt

O médio-campista internacional cabo-verdiano Davidson Renato da Cruz Coronel, “Bijou”, 30 anos de idade, decidiu abandonar o futebol depois de 13 anos de carreira a nível profissional.

O futebolista disse à Inforpress que essa decisão foi tomada junto com a família e acredita que foi a melhor porque apesar de amar o futebol a família sempre vem em primeiro lugar.

“Foi difícil tomar essa decisão, mas acredito que foi a melhor. Foram 13 anos longe da família e amigos. Eu amo o futebol, mas nunca foi o mais importante”, referiu Biju em declarações à Inforpress, via Internet.

O jogador confessa que abandona o futebol “sem nenhuma mágoa” porque teve a oportunidade de jogar no Benfica, na sua opinião, “a melhor equipa do mundo”, e fazer amigos que vai levar para a vida toda.

“Quero agradecer aos meus colegas, treinadores, directores, presidentes, técnicos de equipamentos e adeptos, porque sem eles as equipas não são nada e por tudo que fizeram por mim em todas as equipas por onde passei”, conclui o jogador.

Formado na Escola de Preparação Integral de Futebol (EPIF), na Cidade da Praia, Bijou chegou a ser apontado como a grande esperança do futebol cabo-verdiano, mas passou praticamente ao lado de uma promissora carreira.

Depois de uma passagem pelo Sporting da Praia, representou o Benfica B nas temporadas 2004/05 e 2005/06, chegando mesmo a fazer parte da equipa encarnada que se deslocara a Cabo Verde, numa comitiva presidida pelo presidente Luís Filipe Vieira.

Depois de Benfica, Bijou teve passagem por equipas como Gondomar, Fátima, Pinhalnovense, Fafe, Arouca, Atlético, Varzim e Benfica Castelo Branco, o último clube que representou, na época 2015/2016.

A nível de selecção, Bijou representou o combinado nacional de Sub-21 nos Jogos de Lusofonia de 2006, em Macau, e esteve presente na 19ª edição da Taça Amílcar Cabral, realizada em 2007, na Guiné-Bissau.

Conteúdo publicado por Sportinforma