Mundial sub-20

08-06-2017 16:09

Capitão da seleção uruguaia assume culpa na derrota frente à Venezuela

Nicolás de la Cruz assumiu a responsabilidade da eliminação, depois de ter falhado a grande penalidade na lotaria que foi ganha pela seleção venezuelana.
BALIZA COM BOLA
Foto: Lusa

Nicolás de La Cruz assume culpa pela eliminação no Mundial sub-20

Por SAPO Desporto c/ Lusa sapodesporto@sapo.pt

O capitão da seleção uruguaia de futebol de sub-20, Nicolás de la Cruz, disse hoje sentir-se culpado pela eliminação da sua equipa no Mundial da Coreia do Sul, depois de falhar uma grande penalidade.

“Assumo a responsabilidade pela derrota de hoje [nas grandes penalidades com a Venezuela]”, escreveu o médio do Liverpool de Montevideu na sua conta oficial no Twitter, pouco tempo depois da eliminação dos sul-americanos.

O jogo terminou empatado a 1-1, no mesmo em que De La Cruz deu vantagem ao Uruguai, de grande penalidade, aos 48 minutos, mas no desempate por pontapés de marca de grande penalidade o médio, habitual marcador da equipa, falhou o quinto.

“Hoje, a minha carreira deu-me uma pancada forte, neste momento não tenho palavras para descrever a dor que sinto”, acrescentou o jogador após a eliminação do Mundial sub-20, competição que terá a final no domingo entre Venezuela e Inglaterra.

O Uruguai irá disputar também no domingo o jogo de atribuição do terceiro lugar diante da Itália.

“Hoje, até ao último minuto, estávamos a ganhar, mas o golo do empate da Venezuela [aos 90+1] gerou um impacto psicológico. Imagino que todos sintam uma tristeza enorme, tal como estes miúdos, mas há que olhar em frente”, sublinhou o selecionador Fabián Coito.

Conteúdo publicado por Sportinforma