João Manuel Pinto

23-09-2014 13:11

"Seleção fica a ganhar com Fernando Santos"

O antigo jogador do FC Porto e Benfica foi treinado pelo novo selecionador nacional e recorda um técnico "disciplinador" e com uma personalidade "muito forte" que chega na "altura certa" à FPF.
A festa de Fernando Santos
Foto: DANIEL MIHAILESCU / AFP

Fernando Santos orientou a seleção grega nos últimos quatro anos

Por João Paulo Godinho sapodesporto@sapo.pt

João Manuel Pinto não tem dúvidas em considerar a nomeação de Fernando Santos para o cargo de selecionador nacional como uma escolha "correta" da Federação Portuguesa de Futebol. O antigo jogador de FC Porto e Benfica foi orientado pelo técnico de 59 anos e assinala que o "Engenheiro do Penta", como ficou conhecido nos dragões, vem "na altura certa" para a Seleção, depois de ter sido oficializado esta terça-feira em comunicado no site da FPF.

"É um treinador disciplinador, com um carisma e uma personalidade muito fortes. Quer sempre ganhar, tem grandes convicções e é muito profissional. Foi dos melhores treinadores taticamente com que trabalhei e por onde passou deixou sempre marcas. Foi um prazer trabalhar com ele e aprendi muito", afirma o ex-futebolista ao SAPO Desporto, acrescentando: "Vai dar alegrias aos portugueses. A seleção fica a ganhar com o Fernando Santos. O Paulo Bento fez um grande trabalho, mas a vida de treinador é mesmo assim. É um novo ciclo, será difícil, mas acredito que vamos estar no Europeu".

Depois de quatro anos no comando da seleção da Grécia, Fernando Santos tem agora pela frente o desafio da propalada renovação da Seleção. Porém, João Manuel Pinto prefere falar num novo ciclo de treinador e não de jogadores. "Não creio que será por jogar A ou B. É um novo ciclo de treinador e não tanto de jogadores. Temos grandes jogadores em grandes clubes e acredito que Fernando Santos vai fazer um trabalho tranquilo e que, obviamente, os jogadores vão dar uma resposta positiva. Não se trata de ele ir fazer uma limpeza na seleção".

O antigo futebolista e ex-treinador do Cinfães salienta que Fernando Santos atingiu "o ponto alto" da sua carreira de treinador, após os "bons anos" vividos na Grécia. "Com mais qualidade ao nível de jogadores e no seu próprio país penso que ele chegou no momento certo. Foi uma decisão correta da Federação", refere, assumindo que Santos e Bento "são diferentes".

Todavia, João Manuel Pinto deixa críticas à FPF no processo de saída de Paulo Bento. "Depois desta polémica e da prestação no Brasil, que não foi boa e onde devíamos ter feito melhor, foi triste a forma como as coisas se desenrolaram, com um jogo negativo e um processo onde as coisas não foram feitas da melhor maneira. Se era para ter acabado a ligação com o Paulo Bento, então tinha sido logo após o Mundial no Brasil. Este processo acabou mal, mas temos de aceitar as decisões da FPF. Havia mais nomes, como Jesualdo Ferreira ou Rui Jorge, mas Fernando Santos é uma escolha importante e correta", concluiu.

Fernando Santos será apresentado como novo selecionador nacional na FPF esta quarta-feira, às 12h30.

Conteúdo publicado por Sportinforma