Suíça-Portugal

05-09-2016 16:45

Nani: "Euro2016 é uma página virada, agora temos outras ambições"

O jogo entre Portugal e Suíça, de apuramento ao Mundial2018, está marcado para às 19h45 desta terça-feira.
Nani celebra o golo marcado no Bessa
Foto: HUGO DELGADO/LUSA

Nani celebra o golo marcado no Bessa

Por SAPO Desporto sapodesporto@sapo.pt

Nani vai voltar a envergar a braçadeira de capitão da seleção portuguesa frente a Suíça. O extremo é o capitão dos lusos, na ausência de Ronaldo. Uma responsabilidade que Nani encara com muito orgulho. Sobre o Euro2016, Nani garante que isto já é passado e que agora se abre um novo capítulo na seleção lusa.

"Usei a braçadeira da mesma maneira de sempre, não muda nada em mim, é a responsabilidade que cabe a mim quando Ronaldo não está. Encaro isso da mesma maneira, penso sempre em ajudar a equipa, não é algo que me suba a cabeça ou mexa comigo, é uma situação boa. Ser capitão da Seleção é um orgulho enorme, encaro isso com muita satisfação mas mais importante é ajudar a equipa da melhor maneira e ajudar os colegas para que se sintam apoiados e confiantes", disse o jogador, na conferência de imprensa de antevisão do jogo com a Suíça.

Para trás fica um campeonato europeu memorável para Portugal, que rendeu o primeiro título aos lusos. Nani sublinha que já se festejou tudo o que havia para festejar que agora tudo começa do zero.

"Temos consciência das dificuldades que vamos encontrar no jogo de amanhã [terça-feira], sabemos que a Suíça tem ma seleção muito forte, pratica bom futebol e temo bons jogadores. [O Euro2016] é uma página virada, já celebramos o que tínhamos para celebrar, foi fantástico, guardamos boas memórias, já ultrapassamos esse momento, agora temos outras ambições. A experiência [adquirida no Euro2016] foi fantástica, estamos mais bem preparados para este tipo de jogos, ganhamos maturidade, estamos mais confiantes. Sabemos das dificuldades mas estamos confiantes que podemos ganhar [à Suíça] ", comentou.

Portugal não poderá contar com Ronaldo mas Nani garante que quem jogar irá dar o seu melhor para ajudar a equipa.

"Todos sabemos das que Cristiano Ronaldo é muito importante em qualquer equipa do mundo mas infelizmente não pode estar presente. Vamos ter de usar as armas que temos e já usamos ouras alturas e tentar dar uma boa resposta. É isso que todos os jogadores querem mostrar ao treinador, que pode contar com eles e que são uma boa alternativa e uma mais-valia. Estamos cientes do que temos de fazer", atirou.

O jogo entre Portugal e Suíça, de apuramento ao Mundial2018, está marcado para às 19h45 desta terça-feira.

Conteúdo publicado por Sportinforma