Seleção de Portugal

21-03-2017 00:18

José Fonte ambicioso: "Taça das Confederações é para ganhar"

Já sobre as expectativas para o Mundial 2018, o central recusou fixar já quaisquer objetivos.
José Fonte
Foto: DR

José Fonte

Por SAPO Desporto c/ Lusa sapodesporto@sapo.pt

Portugal vai disputar este ano, pela primeira vez, a Taça das Confederações de futebol e o internacional português José Fonte assegurou esta segunda-feira aos jornalistas que a seleção vai entrar nesta competição para ganhar.

Em declarações prestadas à margem da Gala ‘Quinas de Ouro’, organizada pela Federação Portuguesa de Futebol (FPF) no Centro de Congressos do Estoril, o defesa do West Ham lembrou, porém, que antes da prova que irá decorrer na Rússia, em junho, existem mais jogos de qualificação para o Mundial de futebol.

"Vai ser uma oportunidade única para alcançar mais um título inédito e é nisso que estamos concentrados. Primeiro temos alguns jogos de qualificação que queremos ganhar, mas depois, quando lá chegarmos, é para ganhar. Essa competição é para ganhar", afirmou o central português.

Galardoado na cerimónia com o Prémio Prestígio enquanto membro dos 23 campeões europeus no último Euro2016, José Fonte assumiu a "honra tremenda" e o "orgulho" de poder dar o prémio aos portugueses: "Vamos todos ficar na história do país."

Já sobre as expectativas para o Mundial 2018, o central recusou fixar já quaisquer objetivos, apesar do estatuto de campeões europeus alcançado no último verão, em França.

"Primeiro, a qualificação para chegar ao Mundial. Depois, o ‘mister’ logo dará a meta. Somos campeões europeus e é normal termos mais atenção, mas o objetivo é sempre ganhar", frisou.

A renovação da seleção portuguesa mereceu também um elogio do experiente defesa, que vincou a garantia de qualidade para o futuro da equipa: "Os jovens são o nosso futuro, todos devíamos estar contentes e excitados por termos tantos jovens a aparecer. Temos as próximas gerações resolvidas, por isso é ajudá-los a crescer e desenvolver o seu talento."

Por fim, o internacional luso pronunciou-se sobre a luta pelo título na I Liga, antecipando um duelo "renhido" entre Benfica e FC Porto, que estão separados por um ponto no topo da classificação.

"O Benfica e o FC Porto vão lutar até ao final e vai ser renhido. O Sporting, infelizmente, não conseguiu acompanhar", rematou.

Veja o vídeo!

Conteúdo publicado por Sportinforma