Seleção A

01-06-2017 16:09

Particular com o Chipre sem Ronaldo e com a mente na Letónia

Ronaldo será a principal ausência do encontro, já que nesse mesmo dia disputa a final da Liga dos Campeões ao serviço do Real Madrid.
Seleção de Portugal festeja golo
Foto: © 2017 LUSA - Agência de Notícias de Portugal, S.A.

Particular com o Chipre sem Ronaldo e com a mente na Letónia

Por SAPO Desporto c/ Lusa sapodesporto@sapo.pt

Portugal defronta no sábado o Chipre, num particular com algumas baixas, sobretudo Cristiano Ronaldo, e que vai servir para preparar o duelo com a Letónia, este de qualificação para o Mundial2018 de futebol.

No segundo jogo de sempre da seleção nacional no Estádio António Coimbra da Mota, no Estoril, Ronaldo vai ser a principal ausência, já que nesse mesmo dia disputa a final da Liga dos Campeões ao serviço do Real Madrid, frente à Juventus.

Pepe, que também representa o emblema espanhol, vai igualmente estar em Cardiff, enquanto Ricardo Quaresma não vai estar à disposição do selecionador luso devido a lesão.

Com tantas baixas (Fernando Santos começou a semana a trabalhar com apenas 16 dos 24 jogadores convocados), é esperado que o técnico de 62 anos faça algumas experiências e, sobretudo, tire algumas dúvidas, como por exemplo para o lugar de lateral-direito.

Cédric tem sido o ‘dono’ da posição, mas tem agora a ‘sombra’ de Nelson Semedo, que esteve em destaque no Benfica durante toda a temporada.

Com Bruno Alves também ausente durante grande parte da semana, José Fonte deverá formar dupla no centro da defesa com Luís Neto, enquanto na esquerda Eliseu é quase certo, já que Raphael Guerreiro teve direito a alguns dias de folga.

Depois de terem gozado umas ‘mini-férias’, devido ao final da temporada nos seus respetivos clubes, jogadores como William Carvalho, Adrien, Gelson Martins, Danilo e André Silva podem aproveitar o jogo com os cipriotas para readquirir algum ritmo.

Na mente de Fernando Santos vai estar sobretudo a intenção de preparar da equipa da melhor forma para o jogo com a Letónia, que será no dia 09 de junho, em Riga, e em que Portugal está obrigado a vencer, para continuar na luta pelo apuramento direto para o Mundial2018.

Portugal vai encontrar pela 11.ª vez o Chipre, equipa de boa memória para o lado luso, que venceu nove jogos e apenas por uma vez cedeu um empate.

Dois anos depois, a seleção nacional vai regressar ao Estádio António Coimbra da Mota, palco que não deixou muitas saudades à equipa lusa.

Em 31 de março de 2015, sem qualquer dos habituais titulares e com sete jogadores a vestirem pela primeira a camisola das ‘quinas’, Portugal acabou derrotado por Cabo Verde, por 2-0.

O jogo com Chipre marca o arranque de um longo período para Portugal, que, após o encontro com a Letónia, vai ainda participar pela primeira vez na Taça das Confederações, com o estatuto de campeão europeu.

O torneio, que vai decorrer na Rússia e servirá como um ‘teste’ para o Campeonato do Mundo, começa em 17 de junho e termina em 02 de julho.

O Portugal-Chipre está agendado para as 16:00.

Conteúdo publicado por Sportinforma