Portugal 4-0 Chipre

03-06-2017 19:13

Luís Neto: "Podíamos ter marcado mais mas fica a consistência da seleção"

Defesa central do Zenit analisou a goleada de Portugal frente ao Chipre.
Luís Neto
Foto: AFP; DON EMMERT

Luís Neto acha que a seleção fez um bom trabalho frente ao Chipre

Por SAPO Desporto sapodesporto@sapo.pt

Luís Neto acredita que Portugal mostrou uma cara nova daquela que se apresentou frente à Suécia (derrota por 3-2). O defesa central acredita que a seleção até podia ter feito mais do que os quatro golos que a equipa lusa marcou.

"Apesar da condicionante do vento, fizemos um bom jogo, toda a gente esteve focada naquilo que estava a fazer. Depois do que se passou frente à Suécia, o mister tinha-nos pedido para sermos sérios, lutar como equipa e ter qualidade. Penso que conseguimos, o resultado traduz isso mesmo, podiamos ter marcado mais, mas fica a consistência com que a seleção jogou, o compromisso de todos os jogadores. É sempre bom ganhar, para descansar um pouco e voltar em força", afirmou o defesa central, explicando que Portugal precisa de todos os pontos até jogar contra a Suíça, no último jogo da qualificação.

"Como o mister disse, daqui até ao jogo da Suíça, será uma luta a dois, sabemos que não podemos perder pontos e, claramente, passa por vencer na Letónia. Sabemos que é difícil mas acredito que com a qualidade que tem esta seleção, com maior ou menos dificuldade, vamos vencer o jogo", afirmou o jogador, que está a trabalhar para ficar na seleção para a Taça das Confederações.

"Eu, estando no lote, faço tudo para poder ficar na seleção. Cabe depois ao selecionador decidir, sabemos que um jogador terá de sair. Neste momento e desde segunda feira, o meu foco não era esse. O meu foco era jogar e poder dar o máximo pela seleção. Isso aconteceu, agora descansar um pouco, voltar segunda feira e depois vamos ver o que vai acontecer", referiu o central do Zenit, que acredita nos centrais da seleção lusa.

"Eu penso que qualquer um dos centrais que pode jogar tem muita qualidade. Penso que qualquer uma das duplas responderá muito bem. A mim cabe-me trabalhar ao máximo e esperar pela minha oportunidade".

Luís Neto acredita que, apesar de não estar presente neste jogo, Cristiano Ronaldo será importantíssimo contra a Letónia.

"Claro que o Cristiano é importantíssimo na nossa seleção. Desejamos as melhores felicidades para hoje, que certamente que vencendo a Liga dos Campeões, ganhámos uma força extra. Com ele em campo, mesmo as outras seleções ficam a temer muito mais Portugal e esperamos por ele, porque certamente nos irá ajudar a vencer a Letónia", explica.

Depois desta vitória folgada, a seleção portuguesa começa agora a preparar o importante jogo com a Letónia, na próxima sexta-feira, em Riga, em jogo a contar para a qualificação para o Mundial 2018.

Veja o vídeo!

Conteúdo publicado por Sportinforma