Letónia 0-3 Portugal

09-06-2017 22:25

Dupla Ronaldo/André Silva voltou a causar estragos

Avançados marcaram os golos de Portugal e aumentaram a contagem na qualificação.
Cristiano Ronaldo celebra um golo pela seleção nacional de Portugal em Riga, Letónia
Foto: EPA/Mário Cruz

Ronaldo celebra com André Silva

Por SAPO Desporto c/Lusa sapodesporto@sapo.pt

O ‘capitão’ Cristiano Ronaldo chegou hoje aos 73 golos pela principal seleção portuguesa de futebol, ao ‘bisar’ na Letónia (3-0), em encontro de qualificação para o Mundial2018, disputado em Riga.

O jogador do Real Madrid marcou dois tentos em Riga, aos 41 e 63 minutos, ambos apontados à boca da baliza, de cabeça, o primeiro na recarga a um cabeceamento de José Fonte ao poste esquerdo e o segundo após centro de Ricardo Quaresma.

Cristiano Ronaldo, que soma agora 73 golos em 139 jogos, marcou na seleção ‘AA’ pelo sexto jogo consecutivo, reforçando o seu recorde pessoal, num total de 12 tentos e num trajeto que coincide com os encontros que disputou em 2016/17.

O ‘7’ luso, de 32 anos, logrou um ‘póquer’ face a Andorra (6-0), marcou um golo nas Ilhas Faroé (6-0), ‘bisou’ nas receções a Letónia (4-1) e Hungria (3-0), apontou um tento em casa perante a Suécia (2-3) e hoje voltou a ‘bisar’.

No que respeita à fase de qualificação, Ronaldo, que falhou, por lesão, a estreia, o único desaire luso (0-2 na Suíça), passou a contar 11 golos, em apenas cinco encontros, precisamente metade os 22 do ‘onze’ de Fernando Santos.

Em destaque, tem estado igualmente o jovem avançado portista André Silva, que apontou hoje o terceiro golo português em Riga, aos 67 minutos, e passou a totalizar sete, em apenas oito internacionalizações ‘AA’.

O jogador de 21 anos marcou seis dos seus sete golos na fase de qualificação para o Mundial de 2018, que se vai realizar na Rússia: um na receção a Andorra, três nas Ilhas Faroé, um com a Hungria e outro na Letónia.

Conteúdo publicado por Sportinforma