Leiria - Sporting (intervalo)

13-01-2010 22:06

João Pereira e M. Veloso dão vantagem aos leões

Ao intervalo, o Sporting vence a União de Leiria por 2-0 graças a um golo de cabeça do “pequeno” João Pereira e a um livre exemplarmente marcado por Miguel Veloso.
João Pereira e M. Veloso dão vantagem aos leões

Por Miguel Henriques sapodesporto@sapo.pt

Perante um estádio despido de adeptos, um relvado com muitas peladas e a chuva e o frio que se faziam sentir, esperava-se um jogo de esforço e muito disputado a meio-campo.

A verdade é que as duas equipas fizeram por contrariar tudo isso no terreno de jogo. Sporting e Leiria entraram cheios de vontade em campo e rapidamente foram surgindo as oportunidades de golo.

Ronny deu o primeiro aviso à sua antiga equipa aos 6 minutos. O brasileiro roubou a bola à entrada da área do Leiria, correu meio-campo e ainda teve força para rematar cruzado, levando Rui Patrício a aplicar-se para segurar a bola.

Miguel Veloso respondeu de pronto no minuto seguinte. O médio, regressado ao onze do Sporting, trabalhou à entrada da grande área do Leiria e tentou a sua sorte de longe mas a bola saiu lado.

Nos minutos seguintes Tonel foi protagonista, estando no melhor e no pior. Aos 9 minutos, na sequência de um canto, o defesa central desferiu um potente remate de cabeça, bem ao seu estilo, e o guarda-redes leiriense ficou a ver a bola a passar bem perto do seu poste esquerdo.

Três minutos depois, Tonel falhou um corte dentro da área do Sporting e deixou a bola à disposição de Cássio que não se fez rogado e rematou para defesa apertada de Rui Patrício.

Depois continuaram a suceder-se as oportunidades para os dois lados, até que aos 15 minutos o Sporting inaugurou o marcador.

Jogada de insistência dos leões na direita, a bola sobra para João Moutinho que cruza tenso para dentro da área. Na sequência do cruzamento, o guarda-redes da União de Leiria “sacode” mas mal, e a bola sobrou para o “pequeno” João Pereira que só teve, de cabeça, colocar a bola dentro da baliza dos leirienses.

Depois de uma grande exibição no jogo com o Leixões, o lateral-direito volta a estar em destaque no Sporting marcando o primeiro golo da partida.

A partir desse momento o Sporting passou a controlar mais o jogo, travando bem os ímpetos leirienses. O ritmo de jogo baixou um pouco, até porque o terreno começou a ficar mais pesado.

O jogo continuou nesta cadência até que surgiu mais um golo na partida. Miguel Veloso regressou ao onze e voltou a marcar, confirmando o seu excelente momento de forma.

O médio dispôs de um livre à entrada da área, descaído para a direita e aproveitou-o da melhor forma. Aplicou o seu pé esquerdo na bola e esta saiu teleguiada para o fundo das redes da baliza de Hélder Godinho. O guarda-redes bem se esticou mas esta entrou bem junto ao seu poste direito.

Ao intervalo, o Sporting justifica a vantagem de dois golos com uma exibição personalizada e, acima de tudo, concretizadora.