Sporting 1-0 Arouca

30-11-2016 20:11

'Leão' ganhou músculo com 'selo' de Alan Ruiz

Equipa leonina entrou a vencer na Taça da Liga com um bom golo de Alan Ruiz aos 44 minutos.
Alan Ruiz em ação no jogo entre Sporting e Arouca
Foto: Mário Cruz

Alan Ruiz em ação no jogo entre Sporting e Arouca

Por Eduardo Santiago sapodesporto@sapo.pt

O Sporting venceu esta quarta-feira o Arouca por 1-0 em jogo a contar para a primeira jornada do Grupo A da Taça da Liga. Alan Ruiz marcou o único golo do jogo já no final da primeira parte de um encontro que serviu maioritariamente para os treinadores apostarem em jogadores com menos ritmo competitivo.

No jogo de estreia para a Taça da Liga desta época, Jorge Jesus e Lito Vidigal voltaram a demonstrar que o atual modelo da competição nesta fase serve apenas para dar ritmo competitivo aos jogadores menos utilizados dos respectivos planteis. Do lado do Sporting, Jorge Jesus apostou apenas em Joel Campbell da equipa titular que venceu o Boavista, enquanto que Lito Vidigal fez também uma autêntica 'revolução' com apenas Jubal em representação da equipa titular que venceu o Paços de Ferreira para o campeonato. Beto substituiu Rui Patrício na baliza dos 'leões' enquanto que o quarteto defensivo de Jorge Jesus foi constituído por Ricardo Esgaio, Paulo Oliveira, Douglas e Jefferson. Do meio campo leonino para a frente, a aposta recaiu em Petrovic, Elias, Markovic, Joel Campbell, André e Alan Ruiz. Já o Arouca apresentou-se em Alvalade com um meio-campo reforçado por cinco jogadores e com Marlon como única referência mais móvel no ataque da equipa de Lito Vidigal.

Mesmo com poucos espectadores nas bancadas de Alvalade, a equipa de Jorge Jesus pareceu entrar mais determinada em abrir o marcador nos instantes iniciais, e logo aos 2 minutos de jogo Elias testou os reflexos de Rui Sacramento após um lance confuso na área do Arouca. A equipa visitante reagiu de imediato e na jogada seguinte foi a vez de Sancidino surgir isolado na área leonina, mas o remate do jogador do Arouca acabou por sair ao lado da baliza defendida por Beto.

Apesar das duas situações de perigo nos instante iniciais, o ritmo de jogo acabou por decair apesar do controlo das operações por parte da equipa de Jorge Jesus. Frente a uma equipa como a do Arouca que tem mecanismos defensivos muito bem trabalhados, Joel Campbell, Alan Ruiz e Markovic sentiram algumas dificuldades para encontrar o caminho do golo, que acabaria por surgir apenas já nos instantes finais da primeira parte por intermédio do avançado argentino. O número 99 do Sporting combinou com sucesso com André e num remate bem colocado inaugurou o marcador aos 44 minutos.

E se a primeira parte começou com um lance de perigo do Sporting, o segundo tempo pareceu replicar o arranque da etapa inicial com os 'leões' a ficarem perto do segundo golo na sequência de um pontapé de canto na esquerda. Petrovic obrigou Rui Sacramento a uma defesa incompleta, e na recarga André não conseguiu dilatar o marcador e permitiu mais uma defesa segura do guardião do Arouca.

Lito Vidigal foi o primeiro técnico a realizar uma alteração no jogo com a entrada de Nuno Coelho e saída de Jubal no arranque da etapa complementar. Aos 58 minutos, Jorge Jesus lançou em jogo Castaignos e tirou Alan Ruiz.

Com o jogo aparentemente controlado, o Sporting foi gerindo a vantagem e só não dilatou a vantagem por falta de pontaria de Castaignos aos 74 minutos. Elias seguiu o exemplo do seu companheiro de equipa e aos 79 minutos rematou por cima da baliza depois de uma assistência de Castaignos.

Jorge Jesus ainda lançou Matheus Pereira e Meli no jogo mas o resultado acabaria por não sofrer alterações. Do lado do Arouca, Lito Vidigal lançou ainda Bruno Lopes e Zequinha.

Com este resultado, o Sporting igualou o Varzim no primeiro lugar do Grupo A com três pontos e um golo marcado. No final do Grupo A estão o Arouca e o Vitória de Setúbal.

Conteúdo publicado por Sportinforma