Benfica 1-2 Sp. Braga

18-12-2014 23:00

"Foi uma vitória da vontade e do querer", diz presidente do Braga

António Salvador comentou o triunfo por 2-1 no Estádio da Luz.
António Salvador
Foto: LUSA

António Salvador, presidente do Sporting de Braga.

Por SAPO Desporto sapodesporto@sapo.pt

António Salvador, presidente do Sporting de Braga, elogiou a prestação da equipa minhota no Estádio da Luz.

"Foi uma vitória da vontade, do querer, dos jogadores, do treinador. Contra aquilo que muitos diziam, mostrámos que estamos vivos e sabemos da responsabilidade que temos", começou por dizer o líder bracarense na "zona mista".

Salvador rejeita a ideia de que as declarações de Jorge Jesus, que criticou a abordagem agressiva do Braga, tenha ajudado a motivar o plantel dos "guerreiros".

"Já antes dessas declarações o treinador preparou bem o jogo. Sabíamos que teríamos de ultrapassar barreiras para alcançar o objetivo a que nos propusemos. Sabíamos que seria um jogo difícil, mas sabíamos também que com alguma humildade era possível vencer", referiu ainda Salvador.

O presidente do Braga rejeitou também o rótulo de favorito à conquista do troféu e garantiu que a equipa irá jogar para ganhar, mesmo que o próximo adversário seja o Sporting.

"Foi só mais uma vitíria, esta vitória nao serve para nada se nao ganharmos a próxima eliminatória. Se queremos chegar à final temos de eliminar os grandes. Já eliminámos o Benfica e se vier o Sporting temos de ter humildade necessária para vencer", realçou.

Conteúdo publicado por Sportinforma