Taça de Portugal

04-04-2017 23:53

Presidente do Vitória de Guimarães acreditou na defesa do penálti

Júlio Mendes deu os parabéns à equipa pela qualificação para o Jamor.
Júlio Mendes

Júlio Mendes, presidente do Vitória

Por SAPO Desporto sapodesporto@sapo.pt

O Presidente do Vitória de Guimarães afirmou que estava confiante num defesa de Douglas no último minuto quando Braga se preparou para rematar. Na zona mista após a qualificação dos ‘vimaranenses’ para a final da Taça de Portugal, o dirigente defendeu que este era um objetivo desde o início da temporada.

“Este era um objetivo que tínhamos desde o início, uma grande ambição de chegar ao Jamor. Digo com toda a sinceridade, eu estava confiante em que ele ia defender”.

Sobre um possível adversário, Júlio Mendes não quer pensar nisso e chuta a bola para canto. Para o dirigente, venha quem vier será um adversário contra quem o Vitória terá de jogar bem.

“Venha quem vier vamos divertir-nos. O Vitória sabe que tem de jogar bem e deixar tudo o resto de fora. Quero ainda dar um abraço ao clube vencido que nos recebeu muitíssimo bem”.

Apesar da derrota, o Vitória de Guimarães assegurou um lugar na final da Taça de Portugal. Os ‘vimaranenses’ vão agora esperar pelo vencedor do encontro entre o Benfica e o Estoril na segunda mão das ‘meias’ que se joga no Estádio da Luz.

Conteúdo publicado por Sportinforma