Taça Libertadores

20-04-2017 14:40

Speaker anuncia minuto de silêncio em memória de jogador que estava em campo

A gaffe foi perdoada pelo próprio Ricardo Oliveira, no final do encontro que terminou empatado a zero bolas.
Ricardo Oliveira, atacante do Santos
Foto: DR

Ricardo Oliveira, atacante do Santos

Por SAPO Desporto sapodesporto@sapo.pt

Aconteceu na Colômbia e está a dar que falar no Brasl. No jogo entre Santos e o Santa Fe, para a Taça Libertadores, o speaker do estádio cometeu uma gaffe monumental.

Antes do encontro começar, estava previsto um minuto de silêncio em memória de Kaneco, antigo avançado do Santos que morreu na terça-feira vítima de câncro. Só que o speaker anunciou um tributo a... Ricardo Oliveira, jogador do Santos que até ia ser titular.

A gaffe foi perdoada pelo próprio Ricardo Oliveira, no final do encontro que terminou empatado a zero bolas.

"Não tinha ouvido, acabo de saber disso agora. Não é preciso pedir desculpa, não há problema", disse o veterano atacante, que representou clubes com Valência, Zaragoza e Bétis, em Espanha.

Conteúdo publicado por Sportinforma