Futebol de Praia

29-04-2017 12:31

Selecionador português: "Não termos sofrido golos deixa-me feliz”"

Mário Narciso diz que Portugal tornou fácil a estreia no Mundial de futebol de praia.
Mário Narciso
Foto: Estela Silva

Mário Narciso, selecionador português de futebol de praia

Por SAPO Desporto c/ Lusa sapodesporto@sapo.pt

O selecionador de Portugal, Mário Narciso, disse na sexta-feira que a seleção das ‘quinas’ fez o “jogo fácil” com o Panamá (7-0), da jornada inaugural do grupo C do Mundial de futebol de praia.

“A Seleção Nacional fez deste jogo fácil. Estávamos prevenidos para aquilo que seriam os perigos do Panamá. Muita luta, transições muito rápidas. Estávamos preparados. Tapámos todos os caminhos para a nossa baliza. Não termos sofrido golos deixa-me feliz”, disse, após a goleada, o técnico, em declarações ao site oficial da Federação Portuguesa de Futebol.

Em Nassau, Leo Martins e José Maria assinaram ambos um ‘bis’, num encontro em que Portugal já vencia por 3-0 no final do primeiro período. Torres, Coimbra e Belchior fizeram os restantes golos da seleção nacional.

Superado o primeiro obstáculo, Portugal, que defende o título mundial, dirige agora todas as atenções para o segundo jogo, frente ao Paraguai, no domingo.

“A partir de agora estamos a pensar no jogo com o Paraguai. Sabemos algumas coisas sobre esse adversário. Vamos tentar saber muito mais para não sermos surpreendidos”, afirmou o selecionador.

Na primeira jornada, o Paraguai perdeu com a seleção dos Emirados Árabes Unidos por 3-2.

Conteúdo publicado por Sportinforma