Jorge Braz

03-05-2014 15:46

"Pensar o futsal de uma forma global"

Técnico prolonga contrato de selecionador de futsal masculino até 2016.

Por SAPO Desporto sapodesporto@sapo.pt

Jorge Braz vai continuar no comando técnico da seleção nacional de futsal masculina até junho de 2016, tendo oficializado hoje o prolongamento da ligação à Federação Portuguesa de Futebol.

Na cerimónia, em Oliveira de Azeméis, Jorge Braz salientou "o início de um novo ciclo de organização e reformulação de todas as seleções", garantindo que o seu trabalho "não se limitará à seleção A, mas a pensar o futsal de uma forma global".

Os contratos com os elementos da equipa técnica duram até junho de 2016.

Assim, Jorge Braz é o coordenador de todas as seleções nacionais de futsal e selecionador nacional masculino, enquanto José Luís Mendes será o treinador da seleção de sub-21 e Pedro Palas o treinador das seleções de sub-19 e sub-17.

O diretor da FPF para o futsal, Pedro Dias, assinalou a propósito da continuidade de Jorge Braz que "os resultados desportivos, apesar de muito importantes, não são o único critério de avaliação de desempenho adotado pela direção da Federação".

"Avaliámos o período em que trabalhámos juntos e, pelos processos, pelos métodos e pelo compromisso com a seleção, decidimos que o selecionador deveria prolongar o seu contrato", referiu.

Jorge Braz está na FPF desde 2007, tendo ocupado o cargo de adjunto, de selecionador feminino e, desde 2011, acumulando a direção técnica nos masculinos e femininos.

Conteúdo publicado por Sportinforma