Futsal/Portugal

22-09-2016 12:57

Jorge Braz: "Estamos onde merecemos estar"

Selecionador de futsal diz que Portugal está onde merece.
Jorge Braz, selecionador de Portugal

Jorge Braz, selecionador de Portugal

Por SAPO Desporto c/ Lusa sapodesporto@sapo.pt

O selecionador português de futsal, Jorge Braz, considera que Portugal está onde queria e merece estar, depois de vencer a Costa Rica (4-0) e qualificar-se para os quartos de final do Mundial, na Colômbia.

“Estamos onde queremos estar, merecemos estar e planeámos estar nesta altura”, disse Jorge Braz em declarações à assessoria da Federação Portuguesa de Futebol (FPF), depois de vencer o jogo de quarta-feira em Cali, já madrugada de hoje em Lisboa.

O treinador salientou a preparação para esse jogo e que o avolumar do marcador, com Ricardinho a marcar aos 05 e 22 minutos, André Coelho aos 26 e Tiago Brito aos 27, resultou da estratégia.

“Só no final, por alguma precaução – alguns jogadores tinham já cartão amarelo – estivemos algo desconcentrados e ligeiramente desorganizados a defender cinco para quatro, mas estava lá o Bebé para corrigir quando nós falhámos”, acrescentou.

O selecionador pensa já no embate dos quartos de final, jogo agendado para domingo em Cali e no qual Portugal encontrará o vencedor do embate entre Azerbaijão e Tailândia.

“O Azerbaijão parece-me que poderá ser o nosso adversário, mas pode haver surpresas, hoje houve uma [o Irão eliminou o bicampeão mundial Brasil]. Parece-me que o Azerbaijão é mais forte, tem seis jogadores muito bons, mais o Borisov”, salientou Jorge Braz.

Conteúdo publicado por Sportinforma