Ugra Yugorsk 1-2 Sporting

28-04-2017 14:52

Sporting bate campeões da UEFA Futsal Cup e vai atrás do título europeu

Equipa de Nuno Dias não era favorita, mas acabou por seguir em frente nas ‘meias’. Segue-se Movistar ou Kairat Almaty.
Nuno Dias
Foto: Mário Cruz

Nuno Dias levou o Sporting à segunda final da UEFA Futsal Cup

Por José Rafael Lopes sapodesporto@sapo.pt

O Sporting venceu o Ugra Yugorsk por 2-1 e está de novo na final da UEFA Futsal Cup. Depois de ter iniciado o percurso na primeira fase de qualificação, a equipa de Nuno Dias conquistou o direito de disputar o título europeu na final. Alex Merlim e um de Dieguinho fizeram os tentos que abriram a passagem para o jogo decisivo.

Frente aos campeões em título da UEFA Futsal Cup, o Sporting entrou na quadra sem o estatuto de favorito. Antes do encontro, Nuno Dias tinha afirmado que os russos tinham mais experiência. No entanto, em Almaty, no Cazaquistão, os ‘leões’ entraram a jogar de olhos nos olhos do Ugra Yugorsk.

Com efeito, a primeira jogada de perigo acabou por ser da equipa portuguesa. Diogo recebeu a bola no lado direito e, sem hesitar, rematou para a baliza do Ugra Yugorsk. O guardião desviou para fora quando Leo já se preparava para encostar para abrir o marcador aos cinco minutos.

Num duelo inédito entre as duas formações, o Ugra Yugorsk tinha em Éder Lima a grande esperança para fazer golos. O jogador brasileiro é o melhor marcado da equipa na prova e uma das grandes referências ofensivas do Ugra. No entanto, acabou por ser condicionado pela equipa do Sporting que surgiu com uma defesa alta e pressionante.

O perigo voltou a rondar a baliza da equipa russa. Diogo conduziu a bola pela direita e, depois de ultrapassar dois jogadores, deixou redondinha para Dieguinho. No entanto, o brasileiro não conseguiu encostar para o golo.

Após 10 minutos, o Ugra Yugorsk criou a primeira situação de perigo. Éder Lima assustou, mas não conseguiu bater Marcão para a abertura do marcador. Apesar do perigo, o Sporting manteve-se no comando da partida com Kupatadze, guarda-rede do Ugra, a ser o melhor em campo.

No segundo tempo, a equipa russa entrou mais forte e equilibrou o encontro na Arena Almaty. Perante a subida de rendimento da formação russa, o clube leonino foi-se retraindo e perdeu algum do controlo da partida.

No entanto, o Sporting acabou por chegar à vantagem numa jogada de inspiração de Alex Merlim. O ala dos ‘leões’ ultrapassou um adversário com um toque de habilidade e rematou forte para o fundo da baliza. Kupatadze ainda tentou a defesa, mas a bola entrou por debaixo das pernas do guarda-redes do Ugra.

A perder, a equipa russa pressionou mais, mas deixou em aberto a defesa para o contra-ataque. Com a presença na final em risco, o Ugra perdeu algum controlo emocional que foi bem aproveitado pelo Sporting. Com Dieguinho em destaque (exibição de luxo em Almaty), o Sporting estava mais perto do 2-0 do que do 1-1.

A 10 minutos do fim, o Sporting voltou a estar perto do golo, mas Kupatadze voltou a dar eco à qualidade que demonstrou durante todo o encontro. O guarda-redes georgiano negou o golo a Dieguinho para o golo da tranquilidade. Do outro lado, Marcão também ia fechando a baliza leonina.

A seis minutos do fim, o Sporting chegou ao golo da tranquilidade. Depois de uma jogada de contra-ataque pela direita, Cavinato colocou a bola no centro para Dieguinho. O jogador leonino apenas teve de encostar perante a pressão do defesa russo.

Até ao final o Ugra foi tentando remediar a situação com um cinco para quatro, mas sem conseguir repor a igualdade. Após o último apito foram os ‘leões’ a celebrar a passagem à final apesar de os russos terem reduzido para 2-1.

Em Almaty, o Sporting é o único represente luso na Final Four da UEFA futsal cup. Os homens de Nuno Dias estão na fase final depois de já terem estado numa final onde foram derrotados pelo MonteSilvano, de Itália.

Com esta vitória, o Sporting volta a marcar presença na final da UEFA Futsal Cup. O oponente só se sabe mais tarde após o encontro entre o Inter Movistar de Ricardinho e o Kairat Almaty, equipa da ‘casa’. O jogo da final está marcado para às 14h30 de domingo.

Conteúdo publicado por Sportinforma