Rio 2016

21-07-2016 21:02

USADA apoia decisão do TAS e quer atletas russos fora dos Jogos

A Agência Antidoping dos Estados Unidos (USADA) elogiou hoje a “decisão certa” do Tribunal Arbitral do Desporto (TAS)m, que confirmou a exclusão do atletismo russo dos Jogos Olímpicos, exortando a extensão da medida a todas as modalidades.
Rio de Janeiro show the colors of Rio 2016
Foto: Lusa

epa05396852 Vehicles leave the tunnel Engenheiro Coelho Cintra that links the neighborhoods Botafogo and Copacabana, painted with the colors of the Olympic Games Rio 2016, in Rio de Janeiro, Brazil, 28 June 2016. EPA/Marcelo Sayao

Por SAPO Desporto c/Lusa sapodesporto@sapo.pt

“É uma situação triste para todos aqueles que gostam de desporto, especialmente para os atletas russos que foram abusados e punidos pelas ações dos seus líderes, mas é a decisão certa”, disse Travis Tygart, o diretor da USADA.

Em causa, a decisão do TAS que rejeitou o recurso da federação russa de atletismo e de 68 atletas à suspensão imposta pela Associação Internacional das Federações de Atletismo (IAAF), que confirmou a ausência dos Jogos Olímpicos Rio2016 face ao relatório independente da Agência Mundial Antidopagem (AMA), que revelou um sistema de dopagem apoiado pelo governo.

“Nós, tal como outros desportos e agências nacionais antidoping, esperamos que o Comité Olímpico Internacional (COI) mantenha a decisão”, reforçou.

O responsável da USADA diz mesmo que o COI deve “exercer a sua autoridade e suspender o comité olímpico russo, permitindo a participação nos Jogos Olímpicos aos atletas russos que provem estar ‘limpos’”.

Esta manhã, o painel do TAS “confirmou a validade da decisão da IAAF de aplicar as regras (...), segundo as quais os atletas de uma federação que esteja suspensa pela IAAF são inelegíveis para competições organizados sob as regras da IAAF”.

Entretanto, o COI anunciou que o seu conselho de administração terá uma reunião no domingo por telefone, podendo, depois, anunciar a sua decisão final.

O relatório McLaren revelou um sistema de doping organizado e apoiado pelo governo russo em 30 desportos russos entre 2011 e 2015.

Conteúdo publicado por Sportinforma