Rio 2016

05-08-2016 13:18

Os atletas a seguir nos Jogos Olímpicos

Usain Bolt é a grande figura dos Jogos.
Schippers é a nova estrela da velocidade
Foto: OLIVIER MORIN / AFP

Schippers é a nova estrela da velocidade

Por SAPO Desporto sapodesporto@sapo.pt

Com a cerimónia de abertura dos Jogos Olímpicos a ter lugar esta sexta-feira, o jornal inglês 'The Guardian' elegeu os atletas que não deve perder de vista durante os jogos no Brasil.

No atletismo, natural destaque para Usain Bolt, que tenta o feito o inédito de vencer a sua terceira medalha de ouro consecutiva na prova rainha dos Jogos, os 100 metros. Na vertente feminina natural destaque para a holandesa Dafne Schippers que procura vencer a prova dos 200m, onde terá como adversárias Flo-Jo e Marion Jones.

Na prova da Natação, expetativa para o que poderá fazer o ultra-campeão Michael Phelps. O nadador de 31 anos tem o impressionante pecúlio de 18 medalhas de ouro nos Jogos e vai à procura de quebrar mais recordes. Serão os primeiros Jogos, depois de o atleta ter recebido tratamentos devido a uma depressão.

No ciclismo, a prova tem caracteristicas bem diferentes de uma grande volta. No prova de estrada, o campeão do Tour Chris Froome nem é dos principais favoritos. Peter Sagan, atual campeão mundial de estrada, vai ter tentar juntar o ouro olímpico ao título mundial.

Na ginástica, a publicação britânica destaca Simone Biles e não é para menos. A norte-americana venceu três campeonatos do mundo consecutivos e é uma aposta forte para as medalhas. Já foi descrita como a 'LeBron James' da ginástica.

Nos desportos de Combate, a britânica Nicole Adams, depois de ter vencido o titulo de pesos leves no Casaquistão, chega ao Rio como campeã olímpica, do mundo, da Commonwealth e Europeia.

Nos desportos de equipa, o Rugby de Sevens estreia-se pela primeira vez nos jogos. A equipa da Nova Zelândia é uma equipa a seguir com interesse.

Nos desportivos de água, referência para o canadiano Mark de Jonge, que vai competir na prova de 200 metros em K1. Depois de ter vencido a medalha de bronze em Londres, em 2014 e 2015 venceu o campeonato do mundo.

Ténis e desporto de raquete

No ténis, Novak Djokovic é o homem a abater. O sérvio vai procurar adicionar uma medalha olímpica aos 12 títulos do Grand Slam que já venceu na carreira. O ténis de mesa é um dos poucos desportos em que os Estados Unidos nunca venceram nenhuma medalha. Kanah Jha, apesar da tenra idade, representa a equipa norte-americana e vai tentar obter esse feito.

Veja a lista completa

Conteúdo publicado por Sportinforma