Rio 2016

05-08-2016 10:20

Bruno Fernandes: "União" foi a chave para bater Argentina

O médio português Bruno Fernandes afirmou quinta-feira que a “união” foi a chave da vitória de Portugal sobre a Argentina (2-0), na estreia no Grupo B do torneio olímpico de futebol.
Bruno Fernandes
Foto: Octávio Passos

Médio abriu o marcador

Por SAPO Desporto c/Lusa sapodesporto@sapo.pt

Em declarações à Agência Lusa, após o embate disputado no Estádio Olímpico João Havalenge, no Rio de Janeiro, o jogador da Udinese falou de uma “importante vitória”, deixando claro que a equipa sabia que era muito bom “entrar com o pé direito”.

Entre outras coisas, o triunfo sobre a Argentina terá acabado com a conversa sobre as muitas ausências na formação comandada por Rui Jorge.

“A questão das ausências passa-nos ao lado. Tentámos formar o grupo o mais rapidamente possível, seguindo as instruções do selecionador e demonstrámos que temos uma boa equipa, mas temos de continuar”, frisou o médio luso.

Depois do triunfo sobre os sul-americanos, medalhas de ouro em 2004 e 2008, seguem-se as Honduras, no domingo: “O objetivo é o próximo jogo, que é importante para passar a fase de grupos”.

Ainda quanto ao embate com os argentinos, Bruno Fernandes confessou que se sentiu bem, “porque a equipa ajudou”, e avançou que “a união foi a chave da vitória”.

Para chegar à vitória, Portugal teve também o grande apoio dos adeptos brasileiros.

“Foi muito bom sentir o apoio dos portugueses que estiveram aqui e dos brasileiros. Foi muito importante”, finalizou à Lusa Bruno Fernandaes.

Conteúdo publicado por Sportinforma