Rio'2016

07-08-2016 12:04

Ministra israelita chama "racistas" a atletas libaneses

O incidente antes da abertura dos Jogos ainda faz correr tinta entre os dois países.
Rio2016
Foto: YASUYOSHI CHIBA / AFP

Os Jogos do Rio de Janeiro arrancaram na sexta-feira

Por SAPO Desporto c/ Lusa sapodesporto@sapo.pt

A ministra israelita do Desporto, Miri Regev, classificou de "racistas" e "antissemitas" os atletas libaneses por recusarem viajar no mesmo autocarro que os seus homólogos israelitas num incidente ocorrido antes da abertura dos jogos Olímpicos.

De acordo com a imprensa israelita, na sexta-feira os atletas libaneses impediram e bloquearam a delegação israelita no acesso ao autocarro que os levou para a cerimónia de abertura dos Jogos.

"Eu continuei a insistir que embarcassem no autocarro e disse que, se os libaneses não queriam, eles eram bem-vindos a sair do autocarro", escreveu Udi Gal, treinador de vela israelita na sua página de Facebook, acrescentando que "o motorista abriu a porta, mas o representante da delegação libanesa bloqueou a entrada".

Na opinião do treinador, os organizadores queriam evitar um incidente internacional e foi por isso que enviaram outro autocarro para o transporte.

Conteúdo publicado por Sportinforma