Rio2016

11-08-2016 07:15

Irmãos Vieira apostados em terminar provas de marcha

João e Sérgio vai representar Portugal na marcha nos Jogos Olímpicos.
Sérgio Vieira
Foto: EPA

Sérgio Vieira, atleta português.

Por SAPO Desporto c/ Lusa sapodesporto@sapo.pt

Os irmãos João Vieira e Sérgio Vieira, representantes portugueses na marcha nos Jogos Olímpicos Rio2016, afirmaram na quarta-feira que o principal objetivo é terminarem as respetivas provas.

“As expectativas para esta prova são bastante moderadas, já que tive de preparar duas competições [20 e 50 km marcha], que espero finalizar”, afirmou João Vieira, que cumpre a quinta presença nos Jogos.

O atleta do Sporting, que não privilegiou qualquer das distâncias na preparação, reconhece que “o grande objetivo é acabar”, sendo esse, aliás, o “sonho de qualquer atleta”.

“Depois, é tentar fazer o melhor possível, chegar pelo menos na primeira metade da tabela. Quero ficar entre os 20 primeiros e é isso que vou tentar”, disse.

No seu currículo olímpico, João Vieira conta um 10.º lugar, em Atenas2004, e um 11.º, em Londres2012, classificações que acha difícil repetir.

“Tenho de ter os pés bem assentes na terra. É quase impossível melhorar esses 10.º e 11.º lugares. Não é coisa que não possa acontecer, mas vou dizer uma coisa que costumo fazer sempre: dentro da minha mochila vai o meu fato de treino oficial, porque é possível subir ao pódio”, afirmou.

Por seu lado, o irmão Sérgio Vieira afirmou que, para si, “um bom lugar é ficar a meio da tabela e acabar a prova”, depois de sucessivas desistências “nas últimas provas internacionais”.

“Ficar a meio da tabela e acabar a prova já me deixava muito contente”, frisou, afirmando-se preparado: “Estou bem fisicamente, bem instalado, bem de tudo”.

No Rio de Janeiro, hoje teve frio e chuva, condições climatéricas que o atleta do Benfica, de 40 anos, ‘comprava’ para a prova dos 20km marcha de sexta-feira.

“Eu prefiro a temperatura que está agora e a chuva. Nos últimos dias, tem estado calor e hoje é que começou a fazer assim uma temperatura boa para fazer provas. Hoje, era um bom dia, mais até porque este ano a prova é às 14:30. Se tiver calor, a prova vai ser uma lotaria”, explicou.

“A estratégia para a prova? Começar cá de trás, pois o principal é acabar”, reforçou o atleta ‘encarnado’, que cumpre a sua segunda presença nos Jogos, depois do 45.º lugar de Pequim2008.

Conteúdo publicado por Sportinforma