Síntese / Rio2016

13-08-2016 11:16

João Rodrigues despede-se no 11º lugar, 49er arranca em segundo

Salomé Rocha foi 26ª na final dos 10.000 metros e nos trampolins Ana Rente falhou o apuramento para a final.
João Rodrigues
Foto: OLIVIER HOSLET / EPA

João Rodrigues, velejador português, em ação no Rio de Janeiro.

Por SAPO Desporto c/ Lusa sapodesporto@sapo.pt

O velejador João Rodrigues terminou na sexta-feira a sua sétima e última participação em Jogos Olímpicos, com um 11.º lugar no RS:X, num dia em que a dupla da classe 49er se estreou na segunda posição.

A despedida de João Rodrigues, porta-estandarte de Portugal na cerimónia de abertura, até podia ter sido mais incrível, mas dois pontos separaram-no do 10.º lugar e consequentemente da ‘Medal Race’.

“Se é a despedida olímpica? É... nunca mais vou fazer isto ao meu corpo, nem à minha mente. É a despedida”, disse, com lágrimas nos olhos, à mistura com um sorriso e um ar visivelmente cansado.

Dizendo que “era a melhor forma de terminar” a carreira, o madeirense acrescentou que não dava para mais: “Quando acabou a primeira regata, pensei que não ia conseguir pôr-me outra vez em cima da prancha. Foi, realmente, muito exigente do ponto de vista físico. Pensava que já não ia conseguir, mas não tinha outra hipótese”.

Por seu lado, Jorge Lima e José Costa saíram na sexta-feira pela primeira vez para a Baía de Guanabara e, com dois quartos lugares nas duas regatas, assumiram o segundo lugar da geral da classe 49er.

Também na vela e, com duas regatas ainda por disputar, Gustavo Lima é 18.º em Laser e Sara Carmo segue na 28.ª posição de Laser Radial.

No golfe, Filipe Lima terminou a segunda volta empatado no 18.º lugar, com um total de 140 pancadas (duas abaixo do par), enquanto Ricardo Melo Gouveia fez uma volta com três abaixo do par e tem agora um total de 141 (uma abaixo).

O atletismo estreou-se com a final dos 10.000 metros, na qual Salomé Rocha foi 26.ª classificada com uma marca de 32.06,05 minutos, numa prova em que a etíope Almaz Ayana bateu um recorde do mundo com quase 23 anos, em 29.17,45.

Nos 20km marcha, João Vieira foi 31.º, com um registo de 1:23.03 horas, enquanto o seu irmão Sérgio terminou na 53.ª posição, em 1:27.39.

Marta Pen, com um tempo de 4.18,53 minutos, foi 36.ª nas eliminatórias dos 1.500 metros e acabou eliminada, tal como Lorene Bazolo, que falhou o acesso às meias-finais dos 100 metros, com uma marca de 11,43 segundos.

Nos trampolins, Ana Rente falhou o apuramento para a final, ao terminar a qualificação com 97,885 pontos, a 11.ª marca entre as 16 participantes.

Telma Santos sofreu a segunda derrota no torneio individual de badminton, ao perder com a norte-americana Iris Wang por 2-1, com os parciais de 18-21, 21-10 e 21-12.

Conteúdo publicado por Sportinforma