Rio'2016

13-08-2016 18:37

Pedro Martins: "Faltou sangue frio nos últimos pontos"

O atleta português lamentou a ansiedade que o traiu na estreia olímpica.
Pedro Martins

Pedro Martins

Por SAPO Desporto c/ Lusa sapodesporto@sapo.pt

O português Pedro Martins considerou hoje que lhe faltou um pouco de sangue frio para gerir as emoções no seu primeiro encontro no torneio de badminton dos Jogos Olímpicos Rio2016. “Faltou, talvez, sangue frio nesses últimos pontos. São muitas emoções e a emoção atrapalha um bocado a performance, por isso, para a próxima vou tentar gerir melhor essa parte psicológica”, afirmou.

Pedro Martins perdeu frente ao canadiano Martin Giuffre, por 14-21, 24-22 e 21-6, num encontro em que chegou a dispor de um ponto de encontro no segundo ‘set’, admitindo no final que faltou “gerir a ansiedade”.

“Eu estava a gerir um bocado o esforço, devido a uma má colocação do pé. Fiquei com um pouco de ansiedade por causa disso. Depois ele começou a ganhar vantagem e confiança e foi difícil recuperar”, referiu.

Antes de tentar explicar o que correu mal no encontro, Pedro Martins quer rever o jogo com o seu treinador, mas reafirmou que não conseguiu “gerir aquelas emoções todas”. “Estava perto do meu objetivo e já estava a pensar à frente e nós temos de ter a cabeça no lugar, aqui, hoje. Para a próxima vou ganhar, de certeza”, disse, acrescentando que esta derrota o torna mais forte.

No domingo, Pedro Martins faz o segundo e último encontro da fase de grupos, frente a Angus Ng Ka Long, de Hong Kong, 13.º do mundo. “Amanhã [domingo] é pensar positivo e ganhar. Teoricamente existem cabeças de série, mas aqui somos todos muito bons e tudo pode acontecer. Um mau dia para o outro pode ser fatal. Eu estou confiante, sinto-me mais forte do que ontem”, afirmou.

Conteúdo publicado por Sportinforma