Rio 2016

17-08-2016 19:18

Brasil na final de futebol após goleada às Honduras

O Brasil, impulsionado por Neymar, apurou-se hoje para a final do torneio de futebol do Rio2016, com uma goleada por 6-0 às Honduras, no Maracanã, e mostrou ser sério candidato a um título que nunca conquistou.
Olympic Games 2016 Tennis
Foto: Lusa

epa05456623 Rafael Nadal of Spain serves during a practice session for the Rio 2016 Olympic Games Tennis events at the centre court of the Olympic Tennis Centre in the Olympic Park in Rio de Janeiro, Brazil, 05 August 2016. EPA/SAM MOOY AUSTRALIA AND NEW ZEALAND OUT

Por SAPO Desporto c/Luas sapodesporto@sapo.pt

Com três medalhas de prata, a derradeira das quais em Londres2012, e duas de bronze, a mais recente em Pequim2008 – correspondentes a cinco pódios nas oito últimas edições -, o Brasil pretende corrigir em casa a lacuna de nunca ter conquistado o ouro olímpico.

O Brasil não começou bem o torneio, empatando com África do Sul e Iraque a 0-0 mas a goleada (4-0) à Dinamarca (4-0) embalou os brasileiros, que nos ‘quartos’ afastaram a Colômbia.

A seleção das Honduras, segunda classificada do grupo D, que teve como vencedor Portugal, qualificou-se para os quartos de final após empatar 1-1 na derradeira jornada com a candidata Argentina, que ficou eliminada.

Nos quartos de final, as Honduras venceram a Coreia do Sul e marcaram encontro com a seleção 'canarinha'.

O encontro começou praticamente com o primeiro dos dois golos de Neymar, aos 14 segundos, após um mau alívio de Palacios, perante a pressão do jogador do FC Barcelona, que na sequência do lance se lesionou e deixou o relvado de maca.

O jogo esteve interrompido durante cerca de três minutos para a assistência médica a Neymar, que apresentava queixas no peito. Depois de sair de maca, o jogador voltou ao relvado, para, aos nove minutos, assistir Laun para uma grande ocasião.

Numa partida de sentido único, o Brasil aumentou a vantagem para 3-0 com dois golos de Gabriel Jesus, aos 26 e 35 minutos, com dois lançamentos para as costas dos defesas hondurenhos, aproveitados pelo rápido jogador brasileiro, que soma já três golos no torneio.

Na segunda parte, o Brasil manteve o ritmo e aumentou para 4-0 por Marquinhos, aos 51 minutos, na sequência de um canto e perante a passividade dos defesas hondurenhos, pouco lestos a tirar a bola da área do guarda-redes Luis Lopez.

Luan, aos 79, e Neymar, aos 90+1, na conversão de uma grande penalidade, estabelecerem o resultado final em 6-0.

O Brasil vai disputar a final do torneio olímpico frente ao vencedor da meia-final que opõe a Nigéria à Alemanha.

Conteúdo publicado por Sportinforma